Advogado é preso após matar cachorro com tiro na cabeça em GO

Um advogado foi preso em flagrante, na noite de sábado (11/12), após matar com tiro na cabeça um cachorro que estava dentro da propriedade de seus donos, em Iporá, na região oeste de Goiás, a 226 quilômetros de Goiânia. Vídeo de câmeras de segurança mostra o momento em que Hugo Amâncio Alves desce de seu carro, vai em direção ao animal e efetua o disparo.

O crime foi praticado por volta das 22h30, no portão de uma casa na Rua R-2, no Bairro Mato Grosso. As imagens do vídeo mostram que o advogado foi de carro ao local e, após descer do veículo, chamou o animal até o portão da residência e atirou, em seguida. Segundo a polícia, Alves disse que cometeu o crime por vingança após o cão morder um de seus dedos.

“Tiro na cabeça”

Dono do pet, o adolescente Igor Rodrigues de Moura, de 16 anos, contou ao Metrópoles que ele e toda a sua família estão revoltados. “Foi um tiro na cabeça do meu cachorro”, lamentou ele, que mora na residência com os pais, o irmão e uma avó.

“Não tem explicação para ele [advogado] ter feito isso. Ele já chegou a falar que o cachorro era chato porque latia demais”, afirmou o dono do animal da raça red heeler, que tinha 3 anos de idade.

Pauta: Cleomar Almeida/Metrópoles

Erro, não existe o grupo! Verifique sua sintaxe! (ID: 4)
Erro, não existe o grupo! Verifique sua sintaxe! (ID: 5)

ÚLTIMAS NOTÍCIAS