Tailândia negocia direito de produzir vacina de Oxford

(Bloomberg) — A Tailândia pretende garantir acesso a uma candidata a vacina contra a Covid-19 que está sendo desenvolvida pela Universidade de Oxford, por meio de um acordo que daria ao país do Sudeste Asiático os direitos de tecnologia para produção local.

“Estamos finalizando nossa carta de intenções para cooperar com o time de pesquisa de vacinas de Oxford”, afirmou o ministro da Saúde, Anutin Charnvirakul, nesta sexta-feira. “Assim que esse processo for concluído, vou assinar imediatamente.”

A transferência de tecnologia é uma das três vias para a Tailândia ter acesso a vacinas, segundo o Ministério da Saúde. O país deve iniciar os testes em humanos em setembro e planeja a compra adiantada de vacinas no mês que vem por meio do programa Covax, estabelecido por um grupo formado por Aliança GAVI, Coalização para Inovações em Preparo para Epidemias e Organização Mundial da Saúde.

A Tailândia detectou até agora 3.390 casos de coronavírus e registrou 58 mortes. Nenhum caso de transmissão local foi relatado em quase três meses, mas as autoridades ainda temem o ressurgimento do vírus, como aconteceu no Vietnã e Nova Zelândia.

For more articles like this, please visit us at bloomberg.com

©2020 Bloomberg L.P.

Com informações da BloomBerg –  Randy Thanthong-Knight

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Pinguins encontrados mortos no litoral de SP ingeriram isopor, plástico e outros itens

Exames feitos em alguns dos pinguins recolhidos sem vida pelo Instituto Gremar entre 20 de junho e 13 de agosto no litoral de São Paulo revelaram a presença...

Recém-nascida é encontrada dentro de sacola na Zona Norte

Uma bebê recém-nascida foi encontrada dentro de uma sacola pedurada no portão de uma casa no bairro Parque Edu Chaves, na Zona Norte, na...

Confira seu horóscopo exclusivo agora

O CAMINHO DOS ASTROS 51 A vida é um coletivo Urano teve vários filhos, como detestava a todos, mantinha-os presos no interior de Gaia, a Terra....

Urussanga e Balneário Gaivota | Registram óbitos causados pela Covid-19

As cidades de Urussanga e Balneário Gaivota voltaram a registrar óbitos causados pela Covid-19 ontem sábado (19). Em Urussanga, uma mulher de 91 anos,...