Secretário de Agricultura de Orleans, Luiz Cristovão Crocetta concede entrevista ao portal

Orleans ganhou destaque na região sul do estado em 2018 em um levantamento realizado e divulgado pela Associação dos Municípios da Região Carbonífera (Amrec), referente à produção agrícola dos 12 municípios associados.

O setor da agricultura orleanense teve ovos, frango e fumo entre os produtos destacados na lista de pesquisa da produção regional, e devido a isso fomos ao encontro do secretário Luiz Cristovão Crocetta para saber mais informações referente a sua pasta e outros assuntos, acompanhe a entrevista:

Olhar do Sul – Está na pasta desde quando?

Cristovão- Assumi a pasta em abril de 2017.

Olhar do Sul – Fale da sua relação com o prefeito Jorge?

Cristovão– Quando assumi e sentei nessa cadeira eu achei que as coisas não iam caminhar. Mas eu estava enganado, o prefeito Jorge e o vice Mário desde o início me deram muita liberdade para trabalhar e desenvolver um trabalho junto as famílias da nossa agricultura familiar de Orleans.

Olhar do Sul-Todos nós acompanhamos o trabalho desta pasta, como está sendo sua gestão?

Cristovão – Eu sou muito seguro nas coisas que eu faço. Quando assumi levei uns quinze dias para saber como estava esse setor, mas como tenho exemplo do meu pai, ouvir a todos, mas cumprir o que prometer, as vezes demora um pouco mas o pedido é atendido. Sei também de como lidar com o pessoal do campo, por isso prezo pela calma e a harmonia na busca da melhor solução.

Olhar do Sul – Fale um pouco de como está a situação da pasta?

Cristovão – Podemos dizer que a nossa agricultura familiar na Amrec é modelo ocupando novamente o primeiro lugar na contagem do último estudo realizado. Um dos motivos que Orleans está se destacando é o programa Porteira a dentro aliado é claro ao ótimo trabalho dos nossos incansáveis agricultores fazendo com que a agricultura represente 35% na arrecadação para o município.

Olhar do Sul – Na tribuna da câmara o vereador Pedro Orben anunciou ano passado ótimas notícias a agricultura. Como você vê isso?

Cristovão – Verdade. Eu estava lá acompanhando a sessão e ouvi a fala do vereador Pedrinho, e isso só confirma o trabalho que estamos fazendo junto aos deputados como a Deputada ADA, Ronaldo e outros. Sem falar de mais verba como R$ 200 mil reais para educação e revertida ao bairro São Jerônimo com um ginásio e mais R$ 150 mil reais para a Saúde para o Programa Limpa Fila e mais uma Retroescavadeira para atender a nossa pasta.

Olhar do Sul – Qual método usado no atendimento a pasta?

Cristovão – Bom, são muitas famílias e comunidades que precisam de nosso atendimento, costumo sempre de estar bem cedo e no final da tarde acompanhando uma obra e outra, também dedico algumas horas para ouvir as pessoas sem falar que a porta da minha sala está sempre aberta. Então penso que estou trabalhando para fazer e dar o meu melhor e se por acaso ainda acontecer de ter alguém para atender vou ao encontro e tento resolver.

Olhar do Sul – Falando em política você tem interesse em concorrer ao executivo?

Cristovão – Sim. Estou na secretaria com esse objetivo, sou bem claro na resposta, se caso o prefeito Jorge não concorrer novamente meu nome está à disposição do partido sem medo nenhum e consciente da responsabilidade que irei ter caso me eleja.

Redação Olhar do Sul

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Pescaria Brava | Pacientes crônicos serão testados

Após os mais de 1,5 mil idosos acima de 60 anos de Pescaria Brava serem testados para o novo coronavírus, a secretaria de Saúde...

Profissionais do setor de eventos farão manifestação nesta terça-feira em Criciúma

Profissionais do setor de eventos do Sul do Estado farão uma manifestação nesta terça-feira (21), em Criciúma, pedindo que sejam ouvidos pelas autoridades governamentais...

Em SP, rede pública volta a partir de 7 de outubro

O Governo do Estado de São Paulo decidiu que as aulas presenciais da rede pública de ensino serão retomadas no dia 7 de outubro....

Itália diz ‘sim’ a redução de parlamentares, aponta boca de urna

(ANSA) - Uma pesquisa de boca de urna indicou uma vitória do "sim" no referendo sobre uma reforma constitucional que reduz em um terço...