RS: Pandemia e estiagem contribuem para redução de 88,6 mil empregos formais em 2020, no estado

Além do cenário da pandemia, a estiagem também contribuiu de maneira significativa para a redução de empregos formais no Rio Grande do Sul. O estado gaúcho registrou, de janeiro a agosto de 2020, a extinção de 88,6 mil vínculos de emprego formal.

Essa baixa representou um recuo de 3,5% do contingente total de empregos do segmento mais protegido do mercado de trabalho. Nesse contexto, os mais afetados foram mulheres, trabalhadores menos escolarizados e a população com idade igual ou superior a 50 anos.

“Balanço do setor de produção de alimentos é positivo”, diz o secretário de Agricultura Familiar e Cooperativismo do Mapa

Brasil deve bater novo recorde na safra de grãos 2020/21

Em relação aos setores, o mais atingidos pela crise foram Comércio e Serviços. Os números tiveram como base os dados do Novo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), da Secretaria da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia.

Reportagem: Marquezan Araújo

Fonte: Brasil 61

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Ex-jogador e Youtuber se destacam como Embaixadores de Cassino no Brasil

"Cassino online aposta em brasileiros para divulgar a sua marca". A estrangeira LeoVegas tem investido alto e está determinada a conquistar clientes de todas as...

IÇARA | Hospital São Donato registra 17 leitos ocupados; dez são de UTI

Na sexta-feira, o Hospital São Donato, de Içara, registra 17 leitos ocupados para tratamento de coronavírus ou suspeita de contaminação, são dois a mais com...

Fiocruz prevê vacinar 65 milhões no 1º semestre de 2021

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) aumentou a expectativa de vacinação dos brasileiros contra o coronavírus após o anúncio de eficácia divulgado pela AstraZeneca e a Universidade de Oxford....

Papai Noel dos Correios vai contemplar 220 crianças dos Cras de Criciúma

Lápis, papéis e cores. É por meio disso que 220 crianças, com até 11 anos, confeccionaram suas cartas, demonstrando os seus desejos para o...