Revitalização do Centro de Blumenau será acelerada

Reunião na manhã de terça-feira (22), o prefeito Mário Hildebrandt e representantes de entidades empresariais da cidade deflagrou um novo momento para as ações de revitalização do centro de Blumenau, com um grupo de trabalho envolvendo o Executivo municipal, Sindilojas, Sinduscon e Secovi. “Vamos acelerar o debate e promover as atualizações necessárias, pois esse movimento começou em 2015. Muito já foi executado e temos outras prioridades diante de nós”, anunciou o prefeito. “Alguns dos projetos já têm verba assegurada e podem ser entregues em alguns meses”, acrescentou.

“O projeto Centro Vivo tem o setor privado como protagonista, a partir das intervenções na Rua Curt Hering, modelo que será expandido em favor da valorização das pessoas – pedestres e ciclistas – e o fortalecimento de atividades essenciais para a cidade – comércio e turismo”, explicaram Emílio Schramm, presidente do Sindilojas e Sergio Belicanta, diretor do Sinduscon. “A humanização do centro envolve a promoção de lazer, o fortalecimento do comércio e o estímulo à construção de prédios residenciais”, descreveu Rael Belli, arquiteto responsável pelos projetos.

O conjunto de iniciativas envolve desde a área do entorno da Rua das Palmeiras e o Museu da Cerveja, o novo Frohsinn, a Praça das Rosas e o Cemitério dos Gatos, a renovação do mobiliário da Rua XV e a revitalização da Ruas Itajaí e Praça Victor Konder, entre outras. “São ações que promoverão grande impacto na atração de turistas e na qualidade de vida dos blumenauenses”, considerou Éder Boron, secretário de Planejamento Urbano do município. “Estes projetos oferecem muitas oportunidades de empreender, seja pela abertura de concessões ou pelo aumento do fluxo de pedestres no centro”, reforçou Sylvio Zimmermann, secretário de Desenvolvimento Econômico.

André Seben: Jornalista/PalavraCom

ÚLTIMAS NOTÍCIAS