Representantes da Segurança Pública de todo o País alinham informações sobre Campanha Sinal Vermelho

Uma reunião em videoconferência com representantes da segurança pública de todo o País, na manhã de segunda-feira (22), alinhou procedimentos no atendimento às vítimas de violência doméstica que realizarem denúncias em farmácias.

Na reunião, o presidente do Colegiado Superior de Segurança Pública e Perícia Oficial de Santa Catarina, e Delegado Geral da Polícia Civil, Paulo Koerich, informou como SC vem trabalhando para diminuir os números de violência doméstica e de feminicídio no Estado.

“Nossos esforços estão ajudando a diminuir o número de feminicídio, a queda este ano é de 23,3%, um fato a comemorar”, afirmou.

Em Santa Catarina, tanto Polícia Civil como Polícia Militar já aderiram à campanha Sinal Vermelho Contra a Violência Doméstica do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB) e conhecem os protocolos corretos a seguir nestes casos.

Como funciona a campanha

Ao desenhar um x na palma da mão e exibi-lo a algum farmacêutico ou atendente da farmácia, a polícia será acionada.

(Fonte: Assessoria de Comunicação da SSP/SC)

 

Erro, não existe o grupo! Verifique sua sintaxe! (ID: 4)
Erro, não existe o grupo! Verifique sua sintaxe! (ID: 5)

ÚLTIMAS NOTÍCIAS