Prova de vida tem suspensão ampliada até 20 de setembro

O recadastramento anual obrigatório de aposentados, pensionistas e anistiados políticos civis teve a suspensão adiada até o dia 20 de setembro. A medida, publicada na última quarta-feira (8), no Diário Oficial da União, amplia o prazo da Instrução Normativa nº 22, publicada em 18 de março, que teria duração de 120 dias.

O anúncio foi feito pela Secretária Especial de Desburocratização do Ministério da Economia e tem como objetivo evitar aglomerações e exposição das pessoas do grupo de risco ao coronavírus. Dessa forma, aposentados e pensionistas não precisarão ir ao Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) realizar a prova de vida, até 20 de setembro.

De acordo com a Instrução Normativa, a medida não altera o pagamento de proventos ou pensões aos beneficiários e a regra não se aplica ao recadastramento de aposentados, pensionistas ou anistiados cujo pagamento já esteja suspenso na data de publicação desta instrução.

Com informações do R7

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Tenente que perdeu a noiva a caminho da igreja lança livro de superação

Pouco mais de um ano após perder a noiva a caminho da igreja, o tenente da Polícia Militar Flávio Gonçalves se emociona ao comentar...

Expectativa de vida dos catarinenses é de 79,9 anos, aponta IBGE

A expectativa de vida de um recém-nascido em Santa Catarina é a maior do Brasil: em média 79,9 anos. Os dados de 2019 são...

MUNDO | Índia produzirá mais de 100 milhões de doses de 1ª vacina russa

MOSCOU, 27 NOV (ANSA) – O Fundo Russo de Investimentos Diretos (RDIF), responsável financeiro pelo desenvolvimento da vacina contra o novo coronavírus Sputnik V,...

FLORIANÓPOLIS | Governador Carlos Moisés, é absolvido em julgamento e continua no cargo

O governador de Santa Catarina, Carlos Moisés da Silva (PSL), foi absolvido no tribunal especial de julgamento nesta sexta-feira (27). Com isso, ele retorna ao cargo. O...