Projetos de iluminação pública melhoram qualidade de vida, principalmente das mulheres

Investir em modernização, expansão e manutenção da iluminação pública impacta diretamente na qualidade de vida das pessoas, sobretudo das mulheres. Um estudo elaborado pelo Banco Mundial mostra que a sensação de insegurança, muitas vezes, está atrelada, a falta de luminosidade de um ambiente e, diante desse cenário, o Ministério do Desenvolvimento Regional, o MDR, apoia mais de 20 projetos espalhados por municípios brasileiros ligados ao tema.

“A melhoria da iluminação pública ajuda percepção de segurança, contribui com a redução da criminalidade e, principalmente, permite que as pessoas circulem com mais tranquilidade nos centros urbanos”, explica Verônica Sanchez, secretária de Fomento e Parcerias com o Setor Privado do MDR.

Desde o início desta gestão, já foram realizados cinco leilões de projetos de iluminação pública apoiados pelo Fundo de Estruturação de Projetos. Mais de 3 milhões de pessoas serão beneficiadas com investimentos privados de quase 900 milhões de reais, em até 13 anos.

Desde julho deste ano, o MDR também apoia ações de expansão e modernização do serviço de iluminação pública por meio de debêntures incentivadas. As debêntures são títulos privados de renda fixa que permitem às empresas captarem dinheiro de investidores para financiar seus projetos.

Campinas/SP, Franco da Rocha/SP, Aracaju/SE, Sapucaia do Sul/RS, Cachoeiro de Itapemirim/ES, Belém/PA, Camaçari/BA, Feira de Santana/BA, Toledo/PR, Corumbá/MS, Patos de Minas/MG, Valparaíso de Goiás/GO, Barreiras/BA, Crato, Nova Iguaçu/RJ, Ariquemes/RO, Colatina/ES.

Já os que tiveram apoio do BNDES:

Canoas/RS, Caruaru/PE, Curitiba/PR, Jaboatão/PE, Macapá/AM, Petrolina/PE, Vila Velha/ES.

Erro, não existe o grupo! Verifique sua sintaxe! (ID: 4)
Erro, não existe o grupo! Verifique sua sintaxe! (ID: 5)

ÚLTIMAS NOTÍCIAS