Projeto de lei suspende prazos de concursos públicos em Santa Catarina

Projeto de lei em debate na Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc) propõe a suspensão dos prazos dos concursos públicos no Estado durante a pandemia do coronavírus.

O objetivo do autor da proposta, delegado Ulisses Gabriel, que ocupou cadeira no Legislativo no início deste ano, é reduzir os prejuízos aos candidatos aprovados nas últimas seleções.

“Com a crise atual, a administração pública terá dificuldades para realizar novos concursos e muitas áreas, como segurança e saúde, poderão ser afetadas com a falta de servidores. Por isso é essencial acabar com o vencimento dos últimos concursos”, explica.

Ulisses usa como exemplo a Polícia Civil. No concurso realizado em 2017, 1 mil pessoas foram aprovadas e aguardam nomeação, mas apenas 100 foram chamadas. Porém, a instituição tem déficit de 2,5 mil policiais. Caso o prazo da seleção expire, o Estado teria que ter mais despesas para fazer um novo edital.

Segundo a proposta, os prazos de validade deverão ser publicados pelos organizadores dos concursos nos veículos oficiais previstos no edital das provas. Os prazos voltarão a correr após o fim do período de calamidade pública.

Assessoria de Comunicação Ulisses Gabriel

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Morre Papa Diop, autor do primeiro gol da Copa do Mundo de 2002

Morreu ontem domingo, aos 42 anos, o senegalês Papa Bouba Diop. Autor do primeiro gol da Copa do Mundo de 2002 na vitória de...

Médico de Maradona é acusado formalmente de homicídio culposo

O médico de Diego Maradona, Leopoldo Luque, foi acusado formalmente de homicídio culpo, quando não há intenção de matar. A informação foi publicada neste...

ORLEANS | Vendas no Natal e fim de ano devem aquecer a economia

O mês de dezembro é sempre um dos melhores para pequenos e grandes empreendedores. As vendas de Natal e fim de ano costumam dar uma...

Servidora que lida diariamente com vírus, bactéria e fungos merece insalubridade máxima

A 1ª Câmara de Direito Público do TJ, em matéria sob a relatoria do desembargador Luiz Fernando Boller, reformou sentença de comarca do oeste...