Profissionais de saúde de Criciúma devem fazer agendamento para receber a vacina contra Covid-19

Os profissionais de saúde que trabalham em Criciúma devem fazer agendamento para receber a vacina contra Covid-19. O chamado é para os trabalhadores com mais de 50 anos e àqueles que possuem comorbidades, independentemente da idade.

O agendamento deve ser feito diretamente no chat do site www.minhavacina.criciuma.sc.gov.br ou no telefone 156 da prefeitura, escolhendo a opção 2. “Este registro é fundamental para a organização e distribuição das vacinas. À medida que elas estão chegando, estamos fazendo a logística, por isso a importância dos profissionais de saúde também se cadastrarem”, explicou Samuel Bucco, gerente de Vigilância em Saúde, da Secretaria de Saúde de Criciúma.

Comorbidades

Para os profissionais de saúde também está liberada a vacinação daqueles que possuem comorbidades, independentemente da idade. As doenças listadas são: diabetes mellitus; hipertensão arterial, doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC); insuficiência renal; doenças cardio e cerebrovasculares; indivíduos transplantados de órgãos sólidos ou de medula óssea; anemia falciforme; obesidade grau (IMC maior ou igual a 40) e síndrome de down;

Comprovações

Para ser imunizado o trabalhador deve comprovar vínculo profissional com estabelecimentos de saúde do município de criciúma, como folha de pagamento ou carteira de trabalho; a função por meio de carteira de identidade profissional; e a comorbidade por meio de atestado médico ou receita médica com prazo de emissão não superior a 12 meses.

Vacinas em Criciúma

Até o momento já chegaram à cidade aproximadamente 6,7 mil doses e além dos profissionais de saúde, já foram imunizados idosos e deficientes institucionalizados. Após esta fase, deve iniciar a imunização de idosos, de todas as faixas etárias, pessoas com comorbidades, profissionais de segurança e salvamento, e professores.

Com informações da OCP News

ÚLTIMAS NOTÍCIAS