Procon alerta para golpe do Pix

O Procon de Imbituba alerta a população sobre um novo golpe que vem sendo aplicado na internet. Por mensagem de WhatsApp, golpistas se passam por representantes de agências bancárias e informam ao cliente sobre um suposto pagamento realizado pelo sistema Pix.

A mensagem sempre vem acompanhada de um link e sugere o acesso ao endereço fornecido. Muitos clientes, por desconhecerem o pagamento realizado, clicam na mensagem. Acessando esse link, o golpista passa a ter acesso às informações pessoais do cliente. A partir disso, eles utilizam os dados fornecidos para aplicar golpes em nome das vítimas. Através da agenda de contatos, passam a pedir dinheiro e também clonam o WhatsApp.

“Caso você se depare com mensagens de amigos, solicitando dinheiro emprestado, tenha cuidado. Veja se realmente os solicitantes são pessoas conhecidas. Você deve solicitar mais informações a respeito e sempre desconfiar, afinal, muitas pessoas têm caído em golpes como este e, infelizmente, após a ação criminosa, fica muito difícil recuperar o dinheiro perdido”, alerta a diretora do Procon de Imbituba, Cristiane Pegorara.

Dupla é condenada a 18 anos de prisão

Dois criminosos investigados pela Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Laguna foram condenados a 18 anos de prisão pelo crime de falso sequestro. A dupla, de dentro de um presídio do Rio de Janeiro, telefonava para várias vítimas da região tentando aplicar o golpe. A operação da DIC, que cumpriu mandados contra os dois, ocorreu em fevereiro de 2020. Segundo a polícia, com auxílio de celulares clandestinos, a dupla e outros presos montaram um verdadeiro call center, onde faziam telefonemas para várias vítimas, aplicando diversos tipos de golpes, entre eles o do falso sequestro. Um morador de Laguna teria perdido R$ 8 mil, além de outras vítimas terem sido identificadas pelo país.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS