Primeiro carregamento de consórcio global de vacinas chegou ao Brasil

O primeiro lote das vacinas contra a Covid-19 enviado pelo consórcio global Covax Facility chegou ontem domingo, 20, no Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (SP). O carregamento com os imunizantes produzidos pela Pfizer saiu de Miami, nos Estados Unidos, e foi escoltado pela Polícia Federal até o centro de distribuição do Ministério da Saúde, em Guarulhos. O contrato prevê, até o fim deste ano, 42,5 milhões de doses.

Antes de receber as doses da Pfizer, a pasta já havia distribuído 5 milhões de doses da Astrazeneca/Oxford, fabricadas na Coreia do Sul, o consórcio enviadas pela coalização chefiada pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

Ao todo, a fabricante americana Pfizer enviou 10,7 milhões das 200 milhões de doses da vacina em 14 lotes – a primeira, em abril, e a última ontem domingo.

Reportagem: Jana Sampaio/VEJA.COM

ÚLTIMAS NOTÍCIAS