Praias ficam lotadas no primeiro dia do feriadão no litoral paulista

Com excesso de veículos e neblina no trecho do Rodoanel, na Imigrantes, motoristas enfrentaram lentidão a caminho da praia neste fim de semana. Entre os destinos mais procurados pelos turistas estão a Martim de Sá, em Caraguatatuba, e a Praia Grande, em Ubatuba.

As estradas que dão acesso ao litoral registram movimento intenso desde o início do dia. A viagem de 1h entre Taubaté e Ubatuba chega a durar 4h, de acordo com a Polícia Rodoviária Estadual (PRE).

O Feriado da Independência é o primeiro sem as restrições de horários e público da quarentena em São Paulo. Ainda assim o uso de máscaras é obrigatório e a recomendação é evitar as aglomerações.

Mesmo com as recomendações, muitos banhistas desrespeitaram a recomendação dos órgãos de saúde para o uso da máscara, que ajuda a evitar a disseminação do coronavírus.

 

Estradas

Antes de chegar ao litoral, o turista precisa enfrentar as estradas, que estão com movimento intenso. Tanto a Rodovia dos Tamoios, quanto a Oswaldo Cruz e a Rio-Santos registraram pontos de lentidão de até oito quilômetros durante a manhã deste sábado (4).

O Departamento de Estradas e Rodagem (DER) estima que o melhor horário para viajar sem enfrentar congestionamento é a tarde de sábado (4).

Reportagem da redação da VEJA São Paulo

ÚLTIMAS NOTÍCIAS