PF combate o tráfico internacional de drogas e de armas na fronteira entre Brasil e Paraguai

No domingo (3/10), a Polícia Federal deflagrou a Operação Escritório do Crime, contra organização criminosa dedicada ao tráfico internacional de drogas e de armas na fronteira entre Brasil e Paraguai.

Foram cumpridos, na cidade de Ponta Porã, oito mandados de busca e apreensão e quatro mandados de prisão temporária.

Além disso, reafirmando seu comprometimento no combate ao crime organizado, foi deflagrada por Agentes de Inteligência da Secretaria Nacional Antidrogas do Paraguai (SENAD) e Forças Especiais (SENAD), com a coordenação do Ministério Público-PY, operação simultânea na cidade de Pedro Juan Caballero, contra a mesma organização criminosa, com cumprimento de mandados de busca e apreensão.

Além das prisões e buscas, houve a apreensão de diversos bens e valores, bem como munições de grosso calibre.

Os investigados poderão responder pelos crimes de tráfico internacional de drogas (art. 33, c/c 40, I da Lei 11.343/06), organização criminosa (art. 2º, caput, da Lei nº 12.850/13) e tráfico internacional de armas de fogo (art. 18 da Lei 10826/03 do Código Penal), cujas penas somadas podem ultrapassar 30 anos de prisão.

Comunicação Social da Polícia Federal no Mato Grosso do Sul

ÚLTIMAS NOTÍCIAS