Polícia Civil identifica responsáveis pelo golpe do “bilhete premiado” em Tubarão

A Polícia Civil de Santa Catarina, por meio da Divisão de Investigação Criminal (DIC/PCSC) de Tubarão, elucidou um estelionato na modalidade do golpe do “bilhete premiado”, ocorrido no dia 26 de julho, em Tubarão. A vítima foi um idoso de 76 anos, que teve um prejuízo de cerca de R$ 10 mil.

No dia do fato, a vítima foi abordada por um homem, que disse que precisava de auxílio para sacar o dinheiro que havia ganhado na mega sena e que daria uma gratificação para quem ajudasse. Logo em seguida, outro homem chegou dizendo supostamente ser advogado e que poderia ajudar.

O suposto advogado disse à vítima que ela precisaria de dinheiro para pagar algumas taxas para sacar o dinheiro do prêmio. A vítima sacou cerca de R$ 6 mil e entregou aos golpistas, os quais saíram do local com o dinheiro e com o cartão da vítima. Depois, foram realizados outros saques com o cartão.

Os policiais civis identificaram um homem de 32 anos e outro de 61 anos como autores do crime. Ambos já tinham passagens por estelionato. De posse dos mandados de prisão dos suspeitos, a Polícia Civil empreendeu esforços no intuito de capturar os suspeitos, contudo, até o momento, eles estão foragidos.

Policia Civil SC

Erro, não existe o grupo! Verifique sua sintaxe! (ID: 4)
Erro, não existe o grupo! Verifique sua sintaxe! (ID: 5)

ÚLTIMAS NOTÍCIAS