PMSC ultrapassa 100 mil fiscalizações de combate à Covid-19

A Polícia Militar de Santa Catarina (PMSC) ultrapassou nesta terça-feira, 22, o número de 100 mil fiscalizações das restrições das atividades econômicas e de isolamento social, atendendo aos decretos governamentais nesse sentido. Uma semana depois de completar três meses, a contar desde o dia 17 de março, data do primeiro decreto, a PMSC contabilizou exatamente 100.630 fiscalizações. Destas, 1.701 estabelecimentos foram notificados e 76 foram interditados.

Além do trabalho de fiscalização, a PMSC também atendeu à 5.978 ocorrências relacionadas ao coronavírus, que foram acionadas por meio do telefone 190 ou do aplicativo PMSC Cidadão. Destas ocorrências atendidas, foram realizadas 3.067 notificações, com 256 estabelecimentos interditados. Além disso, foram lavrados 897 termos circunstanciados e 42 pessoas acabaram presas em razão do descumprimento das medidas restritivas.

Aperfeiçoamento – Com a pandemia da Covid-19, a PMSC teve que se adaptar, se aperfeiçoando operacionalmente, e desenvolvendo sistemas informatizados, para poder dar ao policial, em operação, as condições para continuar com o seu trabalho de combate ao crime e, no atendimento das ocorrências diárias, em relação às regras de Saúde da nova pandemia.

Segundo o comandante-geral da PMSC, coronel Dionei Tonet, as ações serão contínuas, sem esquecer das operações de Segurança. “A PMSC tem sido um dos principais agentes públicos na batalha contra a Covid-19. E estamos preparados para atender à população nesse período tão difícil. Nosso trabalho será intensificado ainda mais”, afirmou.

A PM realizou, desde o início da segunda quinzena de março, ações diferenciadas, como a distribuição de cartazes, que davam orientação sobre a utilização de espaços públicos e também para que o cidadão catarinense se mantivesse em casa, ajudando no isolamento social. Ajustou o aplicativo PMSC Cidadão para uso em apoio às ocorrências envolvendo o Covid-19 e de consulta à Classificação Nacional de Atividades Econômicas – CNAE.

Na mesma linha, a PMSC intensificou a fiscalização das medidas protetivas, com o apoio do Conselho Estadual de Saúde, que deu poder às forças de Segurança do Estado para atuarem nesse sentido, passando também a agir na condição de autoridade de Saúde em todo o território catarinense, cabendo-lhe a fiscalização de todos os serviços e atividades liberadas a funcionar, sob regramento especial, durante a vigência da pandemia do Covid-19.

Texto: jornalista Marcelo Passamai

PMSC

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Forquilhinha amplia o horário de atendimento do Centro de Triagem Coronavírus

O Centro de Triagem Coronavírus está com o horário de atendimento ampliado em Forquilhinha. O local agora funciona todos os dias, das 7 às...

Governo do Estado cria projeto de apoio à recuperação da infraestrutura rural e pesqueira

Os produtores rurais e pescadores de Santa Catarina contarão com o apoio do Governo do Estado para recuperação de infraestruturas danificadas após a passagem...

Quatro detentos arrombam cela e fogem do Presídio Regional de Tubarão

Na madrugada deste sábado, 11, quatro detentos fugiram do Presídio Regional de Tubarão, localizado no bairro Bom Pastor. Eles estavam em uma cela separada,...

‘Lua dos Cervos’ e eclipse retratados em fotos espetaculares

Na última semana, aconteceram dois fenômenos astronômicos muito legais: a ‘Lua dos Cervos’ e o eclipse penumbral do nosso satélite. Mas calma, a gente te explica o que...