Pesquisadores avistam 120 baleias-franca durante sobrevoo na costa catarinense e gaúcha

Pesquisadores do Projeto ProFRANCA/Instituto Australis de Santa Catarina avistaram 120 baleias-francas durante um sobrevoo que é feito anualmente durante a temporada.

A ação, que aconteceu no último final de semana percorreu a costa entre Florianópolis e Cidreira (RS). Ao todo, foram registradas 60 pares de mãe com seus filhotes. O número é quase três vezes o registrado em setembro passado, quando 43 animais foram encontrados.

A maioria dos animais foi encontrada entre a Guarda do Embaú, em Palhoça, na Grande Florianópolis, e a Gamboa, na cidade de Garopaba, no Sul catarinense. No perímetro, foram 18 pares de mãe e filhote.

– Palhoça: 3 pares;- Garopaba: 21 pares;- Imbituba: 26 pares;- Laguna: 3 pares;- Arroio do Silva: 2 pares;- Rio Grande do Sul: 5 pares.

Segundo Karina Groch, diretora de pesquisa do projeto, a expectativa foi superada durante o sobrevoo. As baleias se reproduzem em média a cada 3 anos, mas o intervalo pode aumentar após períodos em que há pouca disponibilidade de alimento.

“Estamos muito felizes com o resultado final, quase três vezes maior que o número do ano passado, e este é um excelente resultado”, disse.

O objetivo do sobrevoo é realizar a foto identificação individual das baleias, para estudos populacionais e de uso de habitat.

A análise das fotografias feitas durante o sábado ainda não foi realizada, e o número de baleias poderá ser atualizado. No entanto, em uma pesquisa inicial os pesquisadores encontraram animais que já haviam sido localizados anteriormente no litoral.

 

AHora

Foto: Divulgação

Erro, não existe o grupo! Verifique sua sintaxe! (ID: 4)
Erro, não existe o grupo! Verifique sua sintaxe! (ID: 5)

ÚLTIMAS NOTÍCIAS