Pesquisa vai mapear o esgotamento de médicos por covid-19

Atuando em unidades de saúde da capital, no auge da pandemia da covid-19, o que o neurologista infantil e pediatra Vinícius – que pediu para omitir o sobrenome – mais temia aconteceu. Ele contraiu o coronavírus e viu seus familiares também se infectarem.

Entre maio e junho, ele teve de lutar contra a doença e ser o médico da mulher, dos dois filhos – um deles recém-nascido -, da sogra e de dois avós. Foi um estresse intenso que deixou marcas, não só físicas. Só não foi pior porque a mulher, psiquiatra, o ajudou a manter o equilíbrio.

Para avaliar até que ponto a pandemia está mexendo com os nervos dos profissionais de saúde, pesquisadores da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) estão selecionando 500 médicos da linha de frente contra a covid-19 para conhecer o impacto, entre eles, da Síndrome de Burnout.

Também conhecida como síndrome do esgotamento profissional, o problema afeta 32% dos trabalhadores brasileiros, segundo a International Stress Management Association (Isma-BR). Seus sintomas são cansaço extremo, sensação de incapacidade, dor abdominal e resistência a ir para o trabalho.

“Com a crescente demanda de pacientes infectados pelo novo vírus, com o risco de morte sempre presente, prevemos um aumento do estresse ocupacional no setor. A probabilidade é de que a situação seja mais grave nos epicentros da epidemia, como o Estado de São Paulo”, explicou a autora da pesquisa, Gabriela Correia Netto. O projeto terá supervisão da professora Laura Camara Lima. Serão avaliados 250 médicos que atuam diretamente no covid-19 e outros 250 de outras áreas.

O cenário não é fácil. Pesquisa de junho da Associação Paulista de Medicina ouviu 1.984 profissionais em todo o País. O que revelou: 69% manifestaram ansiedade; 63,5%, estresse; 49%, exaustão emocional – 76% atendem mais de 20 pacientes por dia. E 60% trabalham na linha de frente da covid-19.

O desafio não para aí. Um em cada três médicos presenciou episódios de agressões a colegas e outros profissionais em áreas de atendimento ao longo da pandemia. A maioria dos 72% que admitem não ter pleno conhecimento da pandemia diz estar na linha de frente da doença por questão humanitária.

Um exemplo concreto: do início da pandemia até 30 de julho, 3.047 profissionais de saúde se afastaram do trabalho na Secretaria Municipal de Saúde paulistana. Reconhecendo a relevância do problema, a secretaria desenvolve desde abril um projeto piloto de assistência à saúde mental dos servidores que os atende no hospital de campanha do Anhembi.

Riscos da Síndrome de Burnout

A Síndrome de Burnout, diz a professora Laura, afeta profissionais que se relacionam com pessoas. “O trabalho do médico, do enfermeiro, implica lidar com a dor, o sofrimento e a morte. Médicos não podem errar. Têm de enfrentar escolhas éticas, como decidir por uma cirurgia, por um diagnóstico. Imagina o que é fazer uma escolha entre quem vai para a UTI e quem não vai.”

Outra característica da Burnout é a perda no nível de confiança na profissão e na própria Medicina. “Embora o trabalho dos médicos esteja sendo reconhecido e exaltado, há casos de preconceito, de xingamentos e agressões”, diz Laura. O terceiro fator, acrescenta a supervisora, é a despersonalização, quando o profissional não aguenta mais o contato com os pacientes. O sentimento heroico inicial se transforma em indiferença, aparecem a insônia e a irritabilidade.

Outro exemplo

A auxiliar de enfermagem Janaine Silva, que mora em Sorocaba, ainda luta para superar os traumas das semanas em que atuou na UTI de um hospital público referenciado para covid-19. “Muitos colegas estavam sendo afastados por causa do contágio e fomos chamadas para cobrir as vagas. Era desesperador. Antes de sair, tomava todos os cuidados para não levar para casa o maldito vírus, chegava e tirava as roupas, tomava banho, evitava meus filhos. Após meu primeiro plantão na UTI Covid lembro que, ao sair e subir na moto, meu único sentimento era de tristeza, medo, insegurança. Afinal, tinha dois filhos me esperando.”

Reportagem: José Maria Tomazela – Terra Notícias

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Operação conjunta resulta em prisão em flagrante por crime contra as relações de consumo em Imaruí

A Polícia Civil, por intermédio da Delegacia de Polícia de Imaruí, em ação conjunta com a Cidasc, cumpriu dois mandados de busca e apreensão...

MUNDO | Cardeal influente do Vaticano renuncia misteriosamente

Um dos cardeais mais influentes do Vaticano, o italiano Angelo Becciu, renunciou nesta quinta-feira misteriosamente a seu cargo na Santa Sé, que não explicou...

Sinovac quer distribuir vacina contra a covid-19 na América do Sul

A biofarmacêutica chinesa Sinovac Biotech planeja distribuir a vacina contra a covid-19, doença respiratória causada pelo novo coronavírus, na América do Sul por meio...

Mudanças no ensino médio são previstas pelo Inep

Neste mês foi instituída a Comissão de Assessoramento Técnico-Pedagógico para a Avaliação do Novo Ensino Médio da Diretoria de Avaliação da Educação Básica (Daeb),...