Perícia médica do INSS: aos poucos, atendimentos retomam as atividades

A reabertura das agências do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), realizada no último dia 14 após quase 6 meses de atendimento restrito, causou um verdadeiro impasse entre a administração do órgão e os médicos peritos. Os profissionais de saúde não retomaram o atendimento de imediato, alegando que o INSS não realizou as adaptações necessárias nas agências para receber os segurados, que são em grande parte idosos.

Em nota, o INSS admitiu que algumas agências não atendiam todo o protocolo exigido pela Perícia Médica Federal, porém essas retomariam as atividades somente quando todos os protocolos fossem atendidos. De acordo com o órgão, “grande parte das agências apresentaram problemas estruturais relativos à perícia, mas não aos protocolos de segurança em relação à Covid-19”, o que não impediria a abertura para os demais serviços oferecidos.

Após a semana de reabertura, os atendimentos de perícia médica do INSS estão retomando às atividades, depois de inspeções de médicos feitas para validação às agências. Na última terça-feira (22), 351 peritos médicos federais, que representam 72% da categoria, compareceram a seus postos de trabalho nas agências do INSS e, a partir de quarta-feira (23), 190 agências já iniciaram o agendamento de perícias.

Para a diretora da COBAP, Maria Salete Burigo, em pouco tempo o atendimento será normalizado. “Ficamos preocupados com as pessoas que estão sem atendimento e entendemos que as reivindicações para a segurança nesse momento de pandemia são válidas, visto que o contágio do coronavírus continua avançado. Além de proteger os profissionais, as medidas vão proteger os segurados. Estamos acompanhando que o governo está realizando as vistorias e em pouco tempo as perícias ocorrerão de acordo com as medidas necessárias”, avaliou a diretora.

De acordo com portaria publicada na última terça-feira (22), no Diário Oficial da União, os segurados que agendaram e não conseguiram atendimento, poderão remarcar a perícia médica através do telefone 135 do INSS.

Por: Livia Rospantini/COBAP

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Famílias passarão a receber o Bolsa Família somado ao Auxílio Emergencial até dezembro

Até o próximo dia 30 de outubro, cerca de 12,4 milhões das mais de 14,27 milhões de famílias atendidas pelo Programa Bolsa Família (PBF) receberão o...

São Joaquim | Forte chuva de granizo assusta moradores da comunidade de Arvoredo

Uma forte chuva de granizo que ocorreu na tarde desta último sábado (24) e assustou os moradores da localidade de São Sebastião do Arvoredo,...

Formação de ciclone no litoral brasileiro pode causar tempestades nos próximos dias em nove Estados

Um ciclone de características subtropicais que começa a se formar no Oceano Atlântico pode provocar tempestades fortes nos litorais do Rio de Janeiro, Espírito Santo e Bahia entre a noite deste domingo, 25,...

Mundo | Na Itália, primeiras doses de vacina serão para ‘mais frágeis’

(ANSA) - O primeiro-ministro da Itália, Giuseppe Conte, anunciou neste domingo (25) que as primeiras doses de vacina contra o novo coronavírus (Sars-CoV-2) devem...