PE: Médico é investigado por tomar duas doses da vacina contra Covid em cidades diferentes

Um médico está sendo investigado por, supostamente, ter tomado duas doses da vacina contra a covid-19 em cidades diferentes no interior de Pernambuco. De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE), o profissional foi imunizado primeiro em 22 de janeiro, na cidade de Caruaru. Depois, em 26 de janeiro, o homem teria tomado outra dose, em Lagoa do Ouro. As informação são do Uol.

Conforme a pasta, a suposta irregularidade foi identificada pela Secretaria de Saúde de Lagoa do Ouro. Após tomar a vacina, um servidor da pasta tentou registrar o médico no sistema de informação sobre pessoas vacinadas e constatou que o nome do médico já estava lá, em outra cidade.

Até o momento, Pernambuco está aplicando apenas a primeira dose da vacina nos grupos prioritários. A situação foi comunicada à SES-PE, que encaminhou a denúncia à Secretaria de Defesa Social (SDS-PE), ao Ministério Público de Pernambuco (MPPE) e ao Conselho Regional de Medicina (Cremepe).

Em nota ao Uol, o Cremepe diz que “irá instaurar sindicância para apuração do fato”, que tramitará “em sigilo processual, para não comprometer a investigação”. A SDS e o MPPE foram procurados pelo Uol mas até o momento não responderam.

Reportagem: Redação da ISTOÉ

Erro, não existe o grupo! Verifique sua sintaxe! (ID: 4)
Erro, não existe o grupo! Verifique sua sintaxe! (ID: 5)

ÚLTIMAS NOTÍCIAS