Orleans: Justiça Eleitoral determina exclusão de Nota de Repúdio

A Justiça Eleitoral de Orleans proferiu liminar de Tutela de Urgência contra o candidato a prefeito Jorge Koch, da Coligação Trabalho e Honestidade, autor de Nota de Repúdio, na qual acusava o candidato a prefeito Ulisses Gabriel, da Coligação Muito + Orleans, de “práticas políticas, atrasadas e ilícitas”. Devido à decisão, publicação foi retirada das redes sociais nesta segunda-feira, dia 9.

A propaganda eleitoral negativa com impulsionamento (pagamento) é proibida por lei. Diante disso, e pelo conteúdo ofensivo e o uso de decisão judicial para propaganda eleitoral, a Justiça Eleitoral determinou o cancelamento do impulsionamento, bem como a retirada do conteúdo que estava em desacordo com a legislação eleitoral (Art. 7º da Resolução do TSE nº 23.610/2019).

“Meu Plano de Governo é voltado para o desenvolvimento e crescimento de Orleans. Considero falta de respeito e ética o opositor criar fatos políticos, fora do contexto, e desvirtuar o processo democrático, além de sobrecarregar o Poder Judiciário e utilizá-lo como ferramenta de ameaça. A rede social serve, como qualquer outro veículo de comunicação, para divulgar projetos, não para tentar difamar as pessoas. Quem tem proposta, não precisa inventar fatos. Nenhuma mentira irá derrubar o que eu construí em anos. Prego pela ética e sou ético e vamos juntos construir uma cidade mais justa e desenvolvida”, diz Ulisses.

Com informações do TNSul

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Primeira semana de funcionamento do Pix movimenta mais de R$ 9 bilhões

Mais de 12 milhões de transações financeiras foram feitas na primeira semana de funcionamento do Pix, novo sistema de pagamentos instantâneos do Banco Central....

Senado aprova projeto para aumentar pena a crime cometido por discriminação

BRASÍLIA - O Senado aprovou um projeto aumentando a pena para crimes cometidos por discriminação no Brasil. A proposta foi apresentada pelo senador Paulo Paim (PT-RS)...

Gás natural mais barato pode ser alívio para setor agropecuário

Aprovada em setembro na Câmara dos Deputados, a nova lei do gás aguarda a discussão e votação no Senado. O projeto, que segue agora...

Lojistas catarinenses projetam aumento de vendas no Natal 2020

"Maioria prevê alta acima de 5% e tíquete médio de R$ 198,00, aponta FCDL-SC" Levantamento realizado pela Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas de Santa...