Operação desmonta esquema de sonegação de impostos bilionária em 4 estados

A Operação Expresso, deflagrada pela PCPR (Polícia Civil do Paraná), a Receita Federal e as Receitas estaduais do Paraná e Minas Gerais desmontaram, nesta 3ª feira (16.mar.2021), um esquema bilionário de sonegação.

Segundo as investigações, as fraudes foram registradas no Paraná, Minas Gerais, São Paulo e Espírito Santo.

A operação mirou envolvidos em esquema bilionário de sonegação fiscal no ramo de comercialização de café em grão, crimes de falsidade ideológica, lavagem de dinheiro e associação criminosa.

Segundo informações coletadas pela PCPR, os valores devidos aos cofres públicos podem ultrapassar R$ 1 bilhão em impostos estaduais e federais, multas e correção monetária.

São 220 mandados realizados pela força-tarefa, sendo 35 de prisão temporária, 124 de busca e apreensão e 61 de sequestro de bens, nos estados do Paraná, Minas Gerais, São Paulo e Espírito Santo.

As investigações começaram há mais de dois anos pela Polícia Civil do Paraná e de trabalhos anteriores da Receita Federal e da Receita Estadual de Minas Gerais.

Durante a ação ainda houve apreensão de 15 veículos em Londrina, no Norte do Paraná. Já no Espírito Santo, foram recolhidos R$ 300 mil em joias, além aparelhos eletrônicos e documentos.

Com informações do Poder 360

ÚLTIMAS NOTÍCIAS