Neta engana avó e dá golpe de R$ 11 mil, diz polícia

Uma mulher de 75 anos foi vítima de estelionatário  A PC (Polícia Civil) indiciou a neta da idosa como suspeita do golpe, que teria valor estimado em R$ 11 mil.

A idosa sabe escrever apenas o nome, pois é analfabeta. Segundo a investigação, usando isso, a neta teria feito que a avó assinasse um contrato com uma grande fabricante de produtos estéticos e perfumaria nacional. Ela convenceu a mulher, conforme a polícia, que estaria encaminhando um pedido de benefício assistencial.

A investigada recebeu a remessa dos produtos encomendados com o pretexto de revender o material, como ocorre de praxe. Porém, ao longo de vários meses, simplesmente desapareceu com os produtos e deixou a avó com uma dívida de mais de R$ 11 mil.

Conforme a polícia, o crime só foi descoberto após o órgão de proteção ao crédito informar que o nome da idosa havia sido negativado. Isso fez com que a senhora ficasse emocionalmente abalada, precisando ser internada.

O inquérito policial, que a princípio tratou o caso como falsidade ideológica, foi concluído com o indiciamento da autora pelo delito de estelionato com pena dobrada por ser perpetrado contra pessoa idosa.

Informação NDMais

Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

ÚLTIMAS NOTÍCIAS