MUNDO | Peru amplia suspensão de voos do Brasil até 14 de março

O governo do Peru prorrogou a restrição de voos procedentes do Brasil até 14 de de março. A medida anterior perderia validade neste domingo (28.fev), mas um novo decreto publicado no Diário Oficial ‘El Peruano’ renovou a suspensão.

A justificativa para a suspensão dos voos é que se trata de uma medida de prevenção para evitar a circulação de passageiros infectados com a variante brasileira da covid.

“Resolve-se prorrogar, de hoje 1 a 14 de março, a suspensão dos voos de passageiros procedentes do Brasil”, afirma.

O país, que enfrenta a segunda onda da pandemia, também estendeu até 14 de março “a suspensão de voos com duração maior de oito horas”. Estes voos estão suspensos desde 21 de dezembro.

O governo proibiu os voos do Brasil em 26 de janeiro para controlar o aumento de casos de covid-19, mas o ministério da Saúde do Peru registrou em 4 de fevereiro a presença na nova variante brasileira do coronavírus.

Proteção

Os passageiros que chegam ao país devem apresentar o resultado negativo de um teste RT-PCR de covid. Os viajantes também devem respeitar uma quarentena obrigatória de 14 dias.  De acordo com informações do governo do Peru, o país registra 1,3 milhão de infectados pela covid e mais de 46.000 mortes.

Com informações do Poder 360

ÚLTIMAS NOTÍCIAS