MUNDO: Moradores que furam a quarentena são presos pelos pés na Colômbia

Na Colômbia as tentativas de descumprimento do isolamento social imposto pelos governos para conter a transmissão da Covid-19 geraram cenas inusitadas.

Vale tudo para manter a população em casa, longe da contaminação por coronavírus. Na Colômbia, a  prefeitura de Tuchin, decidiu adotar uma medida ainda mais radical para punir os desobedientes. Na cidade, que está em quarentena, quem for flagrado nas ruas, sem uma justificativa de necessidade e urgência, fica detido, com os pés presos num tronco de madeira,  uma espécie de cadeado gigante.  E foi o prefeito, Alexis Salgado, quem divulgou fotos dos moradores punidos com a detenção.

A prefeitura está castigando os moradores que desrespeitam as regras de isolamento social prendendo os ‘desobedientes’ pelos pés em uma estrutura de madeira conhecida como cepo.

De acordo com o prefeito, apesar de não utilizada há alguns anos, a medida é prevista em lei e já fazia parte da tradição do povo indígena Zenú, da qual a população de Tuchín é descendente. O objetivo é parar a propagação do covid-19.

O castigo é de meia hora, mas pode aumentar nos próximos dias.

Imagina agora se essa moda pega no Brasil ?

 

Com informações do site São Joaquim Online

ÚLTIMAS NOTÍCIAS