MUNDO | Desenvolvedores britânicos de vacina contra coronavírus farão testes com 10 mil pessoas

A Universidade de Oxford e a AstraZeneca planejam recrutar cerca de 10 mil adultos e crianças do Reino Unido para testes de uma vacina experimental contra coronavírus que recebeu um aporte de mais de 1,2 bilhão de dólares dos Estados Unidos na quinta-feira.

Ontem sexta-feira, a universidade disse que instituições parceiras de todo o Reino Unido começaram a recrutar até 10.260 adultos e crianças para ver quão bem o sistema imunológico humano reage à vacina e quão segura ela é.

Um teste inicial que começou em 23 de abril já aplicou a injeção em mais de mil voluntários de idades variando entre 18 e 55 anos, e Oxford disse que as fases 2 e 3 acrescentarão pessoas de 56 anos e mais velhas, além de crianças de 5 a 12 anos.

“A velocidade com que esta nova vacina avançou para testes clínicos de fase adiantada é um testemunho da pesquisa científica pioneira de Oxford”, disse Mene Pangalos, executivo da AstraZeneca.

(Agencia Reuters)

Por Ludwig Burger

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Pescadores e maricultores recebem apoio do Governo do Estado

Os pescadores e maricultores que sofreram prejuízos devido a fenômenos climáticos extremos, como o tornado e ciclones que atingiram Santa Catarina neste ano, contarão...

Funerária Zapelini informa o falecimento do Sr. Mario Zomer

Faleceu hoje dia (25) ás 12:00 no hospital São José de Criciúma o senhor Mario Zomer aos 69 anos de idade, deixa 3 filhos...

Governo pede 15 dias para apresentar a prorrogação do seguro-desemprego de demitidos na pandemia

BRASÍLIA - Após mais de duas horas de discussão, integrantes do governo pediram a suspensão da votação sobre a prorrogação do seguro-desemprego para quem foi...

criciúma | Artistas da região podem se inscrever em mostra virtual do IFSC

A quinta edição da Mostra Curto-Circuito de Arte e Cultura do Câmpus Criciúma do IFSC será realizada de forma virtual em 2020. O evento cultural acontecerá...