Morador de rua é preso em Tubarão

Suspeito de atear fogo na companheira, um homem de 25 anos foi preso na manhã de sábado. Segundo a polícia, os dois seriam moradores de rua e o crime aconteceu no pátio de um posto de combustíveis do bairro São Cristóvão, em Tubarão.

De acordo com uma testemunha, por volta das 5h o homem teria dito para a vítima que colocaria fogo nela. Depois, pegou uma garrafa de álcool do posto, derramou o líquido em cima da companheira e acendeu um isqueiro.

O fogo se alastrou rapidamente pelo corpo da moradora de rua, que levantou do chão e ficou andando desesperada. A testemunha pegou um cobertor e colocou em volta dela, apagando o fogo. Logo em seguida, os bombeiros e a Polícia Militar foram acionados.

A vítima foi encaminhada ao Hospital Nossa Senhora da Conceição. Na instituição, os policiais não conseguiram conversar com ela, que já estava desacordada e sendo intubada, com graves queimaduras pelo rosto, braço, ombro e peito.

O companheiro foi preso em flagrante pela PM e conduzido à delegacia juntamente com a testemunha. Segundo a polícia, o suposto autor do crime já tem antecedentes criminais por furto, violência doméstica, ameaça e lesão corporal.

DS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS