Ministério da Saúde indica que pode mudar orientação sobre cloroquina

O Ministério da Saúde sinalizou nesta 6ª feira (17.jul.2020) que pode alterar as orientações sobre uso da cloroquina e da hidroxicloroquina no tratamento da covid-19.

A eventual mudança deve vir depois de a Sociedade Brasileira de Infectologia emitir 1 parecer recomendando que o uso dos medicamentos seja abolido em qualquer fase da doença.

A autarquia cita 2 estudos internacionais que se somaram a outros afirmando que o medicamento não é eficaz contra o novo coronavírus.

“Um dos estudos avaliou pacientes com covid-19 em 40 Estados norte-americanos e 3 províncias do Canadá. O grupo que recebeu hidroxicloroquina, em comparação aos pacientes que receberam placebo (preparação neutra sem efeitos farmacológicos), não teve nenhum benefício clínico”, detalha o informe.

Em entrevista a jornalistas, Hélio Angotti Neto, secretário de Ciência, Tecnologia, Inovação e Insumos Estratégicos disse que a pasta avalia novas evidências.

“Estamos vendo quais são as evidências mais novas publicadas na literatura universal, então já somamos mais de 1 mil evidências em quase 70 boletins de evidências científicas, esses boletins são atualizados diariamente. E se mudará as orientações? Provavelmente sim. A ciência, ela muda dia após dia.”

Com informações do Poder 360 (msn)

ÚLTIMAS NOTÍCIAS