LEILÃO: Bovicorte leiloa 500 terneiros em Chapecó hoje sábado 16

O Sindicato Rural de Chapecó, com apoio técnico e financeiro do Sistema Faesc/Senar-SC, promove o primeiro Leilão de Gado Geral do ano, o Bovicorte, neste sábado (16), a partir das 14 horas, no Parque de Exposições Tancredo Neves, na Efapi. O evento terá 500 terneiros à venda e contará com a presença aproximada de 40 compradores convidados pela empresa leiloeira. A medida atende determinação da portaria 288 do Governo do Estado, publicada na última sexta-feira (8), que autoriza a realização de leilões presenciais obedecendo as regras específicas de combate ao novo Coranavírus. 

De acordo com o presidente do Sindicato Rural do município e vice-presidente regional da Federação da Agricultura e Pecuária de Santa Catarina (Faesc), Ricardo Lunardi, todos os envolvidos no leilão usarão máscaras e respeitarão o distanciamento mínimo de um metro e meio. Álcool em gel e cartazes com orientações preventivas também estarão disponíveis no ambiente. “Os lugares serão marcados e as cadeiras estarão dispostas respeitando a distância indicada”, detalha Lunardi.

O evento é tradicional em Chapecó, onde são realizados dois leilões por ano, um em cada semestre. Nos anos anteriores, o leilão era acompanhado de outros atrativos, como feira de exposição de máquinas e equipamentos, palestras técnicas e almoço, reunindo mais de 300 pessoas. Neste ano, em meio a pandemia, só será realizado o leilão e restrito aos produtores e compradores. 

No evento de sábado, 12 produtores da região de abrangência do Sindicato ofertarão novilhos e novilhas das raças Charolês, Aberdeen-Angus, Simental e Zebuínas. São animais de alta qualidade e desempenho reprodutivo, muitos produzidos através do Programa de Assistência Técnica e Gerencial (ATeG) do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar/SC) na pecuária de corte. “A inseminação artificial orientada pelo programa melhorou muito a qualidade dos rebanhos. São bovinos de alto desempenho”, ressalta Lunardi.

O dirigente afirma esperar boa média de preços na comercialização dos animais, acima dos valores praticados no ano passado. Também aposta na liquidez total, a exemplo do que tem ocorrido nos leilões virtuais em todo o Estado. Na avaliação de Lunardi, a decisão pela modalidade online foi inteligente e deve continuar sendo realizada de forma simultânea aos eventos presenciais.

MB Comunicação Empresarial/Organizacional

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Confira seu horóscopo exclusivo agora

O CAMINHO DOS ASTROS 51 A vida é um coletivo Urano teve vários filhos, como detestava a todos, mantinha-os presos no interior de Gaia, a Terra....

Urussanga e Balneário Gaivota | Registram óbitos causados pela Covid-19

As cidades de Urussanga e Balneário Gaivota voltaram a registrar óbitos causados pela Covid-19 ontem sábado (19). Em Urussanga, uma mulher de 91 anos,...

Como a Covid-19 afeta o cabelo dos infectados; pessoas relatam queda massiva

Diversas pessoas ao redor do mundo estão relatando uma aumento no queda de cabelos após terem sido infectados pela covid-19. Cientistas espanhóis estudam a questão, mas a...

Mundo | Governo da Sicília doará 3 mil euros para quem casar na ilha

Para estimular o turismo e o faturamento das empresas do setor, o governo da Sicília está oferecendo 3 mil euros para os casais que...