LAURO MÜLLER | Lança aulas de flauta doce online pelo projeto Lauro Music

O Governo de Lauro Müller, através da Secretaria de Assistência Social e Centro de Referência de Assistência Social (Cras) lançam nesta semana o projeto para aulas online de flauta doce.

A ação acompanha os trabalhos já desenvolvidos pelo projeto Lauro Music, que desde maio disponibiliza aulas de música – violão e gaita – online para alunos de todo o município. O objetivo é dar continuidade às aulas que já aconteciam antes das restrições de convívio, impostas pela pandemia de Covid-19. Além disso, a disponibilidade de acompanhamento profissional pela internet oferece interatividade para as pessoas que continuam em isolamento social.

As aulas serão gravadas e transmitidas pelas redes sociais e diretamente por aplicativo de telefonia móvel (WhatsApp). Para as aulas, o Governo do Município adquiriu cerca de 40 flautas doces. O prefeito Valdir Fontanella fez o lançamento oficial, na tarde de quarta-feira (08), de mais este serviço oferecido.

Mais informações sobre aulas online e inscrições ao projetos estão disponíveis pelo telefone 3464-4284.

Muriel Ricardo Albonico: Ascom – Município de Lauro Müller

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Meu CPF simplifica serviços on-line junto a Receita Federal

Visando o aumento significativo na demanda por atendimento para obter serviços relacionados ao CPF nas unidades físicas, a Receita Federal lançou no site uma...

PM em Blumenau conta com dois novos integrantes

A partir de novembro, o 10º Batalhão de Polícia Militar (BPM) contou com novos reforços na Companhia de Patrulhamento Tático (CPT), em Blumenau. Os dois...

Polícia Civil prende suspeito de latrocínio de idosa de 91 anos

A Polícia Civil prendeu um homem suspeito de latrocínio (roubo seguido de morte) de uma idosa de 91 anos em Papanduva. A ação é da...

Galinhas substituem agrotóxicos em ação contra veneno na agricultura

A presença de insetos é uma frequente preocupação para agricultores. Os animais são capazes de prejudicar plantações e, para evitá-los, é comum que fazendeiros...