LAGUNA | Seis grupos de baleias estão visitando o litoral

Desde o fim de semana, seis grupos de baleias francas são avistadas pelas praias de Laguna. Os grupos são formados pela fêmea e filhote, totalizando 12 mamíferos.

De acordo com o professor do LabZoo/Udesc/Laguna, Pedro Castilho, as 12 baleias estão entre as praias do Gi e do Mar Grosso e são monitoradas diariamente.

“Elas estão aqui desde semana passada, praticamente estacionadas, e esse comportamento de ficarem no mesmo lugar é muito comum. No domingo, foram contabilizados seis grupos, sendo pares de fêmea com filhote. Nesta segunda, algumas estavam na altura do posto 3, mas o vento e as condições climáticas não ajudaram a ver as outras”, conta o professor.

De acordo com Pedro, é possível observar os grupos por terra, mas a orientação é que as pessoas não se aglomerem e não se aproximem de embarcações. “Observar de pontos mais altos é melhor para distinguir os animais e observar o comportamento deles no mar”, ressalta.

A temporada das baleias francas vai de julho a novembro, mas a melhor época para avistar baleias em Santa Catarina é de meados de agosto a meados de setembro, o ápice da concentração de baleias francas na região.

Com informações do Diário do Sul

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Recém-nascida é encontrada dentro de sacola na Zona Norte

Uma bebê recém-nascida foi encontrada dentro de uma sacola pedurada no portão de uma casa no bairro Parque Edu Chaves, na Zona Norte, na...

Confira seu horóscopo exclusivo agora

O CAMINHO DOS ASTROS 51 A vida é um coletivo Urano teve vários filhos, como detestava a todos, mantinha-os presos no interior de Gaia, a Terra....

Urussanga e Balneário Gaivota | Registram óbitos causados pela Covid-19

As cidades de Urussanga e Balneário Gaivota voltaram a registrar óbitos causados pela Covid-19 ontem sábado (19). Em Urussanga, uma mulher de 91 anos,...

Como a Covid-19 afeta o cabelo dos infectados; pessoas relatam queda massiva

Diversas pessoas ao redor do mundo estão relatando uma aumento no queda de cabelos após terem sido infectados pela covid-19. Cientistas espanhóis estudam a questão, mas a...