Jovens rurais de Riqueza concluem curso de pecuária leiteira extremoeste de Santa Catarina

A união de diversas entidades no município de Riqueza em 2019 resultou em 15 jovens rurais mais preparados para alavancar a produção de leite em suas propriedades. O Curso de Juventude Rural foi realizado ao longo do ano com o objetivo de incentivar a sucessão familiar, melhorar questões ambientais, promover o convívio em sociedade, aumentar a renda das famílias e qualificar o trabalho nas propriedades rurais.

A programação do curso iniciou em março e contemplou nove módulos e encontros mensais. “Cada módulo iniciava com uma manhã de estudos e, à tarde, eram desenvolvidas atividades práticas, com visitas a propriedades bem-sucedidas da região”, conta Douglas Gato, extensionista da Epagri no município. Os participantes foram capacitados em áreas como melhoramento de pastagens, boas práticas de produção, redução de custos, necessidades nutricionais do rebanho, sucessão rural, liderança e gestão.

O curso resultou de uma parceria entre Banco do Brasil, Casa Familiar Rural (CFR), Cooperativa A1, Epagri, Prefeitura Municipal de Riqueza, Sicoob, Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais (STTR) e Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural (CMDR). A Epagri foi responsável pelo material teórico e pelas instruções técnicas, enquanto as entidades apoiadoras contribuíram com recursos financeiros.

Entrega dos certificados

A cerimônia de encerramento foi realizada no dia 26 de novembro no plenário da Câmara de Vereadores. Participaram do encontro autoridades, representantes das entidades parceiras, jovens cursistas e seus familiares. O evento iniciou com a palestra “Qualidade de vida, relacionamentos e sucessão familiar”, realizada pelo consultor do Sebrae Lazie de Col.

O jovem Leonardo Barrichello, representando o grupo, agradeceu a todas as entidades promotoras do curso. “Graças a elas, poderemos evoluir em nossas propriedades. Com formação técnica, dados e informações, podemos melhorar, sempre com os pés no chão. Se aplicarmos 25% do conteúdo em nossas propriedades, tenho certeza de que a evolução será gigantesca em produção e melhorias”, disse.

O vice-prefeito de Riqueza, Leandro Alba, destacou a importância das parcerias. “São entidades diferentes, mas com um objetivo comum: buscar o melhor para o município e para os nossos munícipes. Parabenizo os participantes por toparem esse desafio de melhorar ainda mais suas propriedades através do conhecimento. Todos são vitoriosos”.

O Gerente Estadual de Extensão Rural da Epagri, Darlan Marchesi, explica que a formação de jovens tem ocorrido em todo o Estado em diferentes formatos: “Essa cooperação entre entidades tem sido um destaque bastante positivo para a formação dos jovens. Eles agora estão muito bem posicionados e preparados para crescer pessoal e profissionalmente”, destacou.

Fonte: Epagri

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

ENTREVISTA | Terapeuta e Iridólogo Felipe da Silva, fala de seus atendimentos em Orleans

O Consultório de Terapia Holística no centro comercial Zomer & Berger no centro de Orleans, tem recebido muitos clientes da cidade e de fora...

MEC publica edital para 50 mil vagas remanescentes do Fies

Está publicado no Diário Oficial da União desta terça-feira, 29, o edital do processo de inscrição para cerca de 50 mil vagas remanescentes do Fundo de Financiamento...

IMBITUBA | Após denúncias, Procon fiscaliza supermercados e atacadista para coibir aumento abusivo

Em meio a pandemia do novo coronavírus e, por conta de inúmeras denúncias feitas por moradores de Imbituba, a diretoria do Procon municipal realizou,...

Presidente Bolsonaro sanciona lei que aumenta punição a maus-tratos a animais

BRASÍLIA - Em cerimônia com a presença de cachorros no Palácio do Planalto, o presidente Jair Bolsonaro sancionou nesta terça-feira, 29, o projeto de lei que aumenta...