InícioNotíciasInscrições para recenseadores do IBGE estão abertas

Inscrições para recenseadores do IBGE estão abertas

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) está contratando 48.535 recenseadores em municípios de todos os estados brasileiros. O objetivo é selecionar candidatos para as localidades em que o número de classificados no último processo seletivo foi menor que o número de vagas ofertadas.

As inscrições estão abertas até o dia 15 de junho. Para se candidatar, é preciso preencher o formulário disponível no site do IBGE. Não haverá cobrança de taxa de inscrição.

Segundo o IBGE, “o site está passando por instabilidade em virtude do alto número de acessos”. O instituto pede que os candidatos continuem tentando.

Seleção

A seleção dos candidatos não prevê aplicação de provas, apenas análise de títulos acadêmicos, em caráter classificatório. O requisito mínimo é ter ensino fundamental completo. Só é permitido se inscrever uma única vez para uma localidade à escolha do candidato.

O edital e o quadro de vagas detalhado estão disponíveis no link.

Após a seleção, os classificados para recenseadores serão convocados para um treinamento entre 18 e 22 de julho, por meio de edital a ser publicado no portal do IBGE. A coleta do censo começa no dia 1º de agosto de 2022.

Remuneração

A remuneração dos recenseadores é feita por número de domicílio coletado, variando conforme o tempo diário e semanal dedicado ao trabalho e o grau de dificuldade encontrado na abordagem às residências.

Segundo o IBGE, os recenseadores trabalham por setor censitário, que é uma subdivisão feita pelo próprio instituto para operacionalizar a coleta de informações em campo. Cada setor tem em média 300 domicílios.

Além disso, o trabalho do recenseador não requer uma jornada diária fixa. O funcionário pode definir o próprio horário de trabalho, considerando a recomendação de no mínimo 25 horas semanais e respeitando os melhores momentos para fazer contato com as residências.

Pelo simulador do IBGE, é possível fazer uma estimativa da remuneração, de acordo com o município de atuação e tempo que pretende dedicar ao trabalho.

Fonte: Brasil 61