Genival Lacerda morre aos 89 anos, vítima da Covid-19

O cantor e compositor Genival Lacerda morreu aos 89 anos, no Recife, em decorrência de complicações da Covid-19, nesta quinta-feira (7). A informação foi confirmada pelo filho do artista, João Lacerda pelo stories de seu Instagram oficial.

Genival estava internado desde o dia 30 de novembro e, na semana passada, apresentou piora no quadro. Seu filho chegou pedir orações aos fãs pela melhora do pai em um programa de TV.

O artista foi um dos grandes nomes do forró e conquistou o Brasil com carisma e irreverência.  Nasceu em Campina Grande, na Paraíba, em 5 de abril de 1931. Chegou a trabalhar na cidade como radialista, mas fez a primeira gravação como cantor quando já morava em Recife, para onde se mudou em 1953.

Genival gravou seu primeiro disco em 1956, um compacto duplo com “Coco de 56”, escrito por ele e João Vicente, e o xaxado “Dance o xaxado”, feito por ele com Manoel Avelino.

Mais tarde, lançou músicas como “Severina Xique Xique”, “Mate o Veio” e “Rock do Jegue”, que até hoje são cantadas por milhares de brasileiros.

Reportagem: Adriana Barros/Terra

ÚLTIMAS NOTÍCIAS