Gás de cozinha fica aproximadamente 5% mais caro

O gás de cozinha, gás liquefeito de petróleo (GLP) para botijão de até 13 quilos, ficou aproximadamente 5% mais caro. A Petrobras aplicou o reajuste nesta sexta-feira (27) para as distribuidoras do produto, o que também inclui o industrial e o comercial.

Desde o início de 2019, o gás teve alta acumulada de cerca de 10%, com seis aumentos durante o ano. Três deles em outubro, em novembro, e agora em dezembro. No entanto, o preços são livres e variam nos pontos de venda, o que impede de definir o novo valor. Em novembro, a média era de R$ 69,11.

O aumento para todas as formas de venda do GLP ocorreu porque o Conselho Nacional de Política Energética (CNPE) acabou com a política de preços variados entre os diferentes botijões de gás. Ela determinava que os botijões de até 13 quilos deveriam ser vendidos a preços menores.

Segundo a resolução do CNPE, a política gerava distorções no mercado de gás e não garantia descontos esperados para as famílias.

Repórter

Foto :  Agencia Brasil

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

CONVITE | Prefeitura de Orleans convida para “AUDIÊNCIA PÚBLICA”

A Prefeitura Municipal de Orleans, CONVIDA para participar da Audiência Pública Virtual de Avaliação e Cumprimento das Metas Fiscais do Segundo Quadrimestre de 2020...

Asteroide passa ‘raspando’ pela Terra e chega mais perto de nós do que satélites de TV

Por pouco não tivemos a ‘visita‘ de um asteroide na manhã desta quinta-feira (24). O evento era, basicamente, a cereja do bolo do que está sendo...

MUNDO | Sobrinho de Pablo Escobar encontra R$ 100 milhões em antigo apartamento do tio

Pablo Escobar foi morto há 27 anos, mas a história de um dos maiores narcotraficantes do mundo ainda ecoa. Um sobrinho que mora em...

11º RPM apresenta números das fiscalizações contra a Covid-19

Nestes mais de seis meses de ações contra a Covid-19, a 11ª Região da Polícia Militar (RPM), que é responsável pelo policiamento nas cidades...