Família doa 70 mil moedas deixadas por idoso que morreu de Covid

Nathalino Ruy colecionou mais de 70 mil moedas em seus 83 anos de vida. Os objetos acabaram ficando de herança para filhos e netos após o idoso morrer em março de 2021 de Covid-19. Ass informações são do G1.

O acervo tinha moedas de vários países, entre eles Japão, Turquia, União Soviética, Grécia e Emirados Árabes. E o desejo de Nathalino era simples: que os herdeiros usassem o valor das moedas para fazer o bem. Com isso em mente, a família resolveu fazer uma doação de panetones e vales para entidades assistenciais da cidade.

“Nós contamos todas as moedas e chegamos a um valor de mais de R$ 20 mil. Decidimos ir até um supermercado que fazia a troca por panetones. O que não conseguimos trocar transformamos em dois vales, que foram doados para famílias necessitadas. Esse era o desejo dele”, conta o filho, Leandro Ruy.

Com informações da ISTOÉ

ÚLTIMAS NOTÍCIAS