Equipe UniSatc desenvolve contador de fluxo de pessoas para banheiros

Pesquisadores da UniSatc desenvolveram mais uma medida de segurança para evitar aglomerações durante a pandemia. A partir de agora, através de um contador de fluxo de pessoas, será controlada a quantidade de alunos e colaboradores que entram e saem dos banheiros da instituição. O aparelho conta com sensores de movimento e vai indicar quando o local tiver atingido a capacidade máxima de pessoas permitida.

O projeto foi desenvolvido utilizando sistemas de eletrônica embarcada que, segundo o professor de Engenharia Mecatrônica, Cleber Izidoro, é quando o aparelho possui finalidade específica. “Instalamos dois sensores: um na frente e outro na lateral do contador. Assim será possível identificar se a pessoa está entrando ou saindo”, explica.

É permitida a entrada de até cinco pessoas por vez em cada banheiro. Quando esse limite é atingido, é identificado no visor digital do aparelho. “Neste momento, a pessoa deve esperar do lado de fora, até que desocupe o espaço”, orienta Izidoro, que foi o responsável pelo desenvolvimento da parte elétrica do aparelho.

Os estudos do projeto foram realizados pelo bolsista Eduardo Vogel, com a supervisão do coordenador de Engenharia Mecatrônica da UniSatc, João Mota Neto. O layout das caixas foi criado pelo coordenador do Laboratório Pronto 3D, professor Daniel Fritzen, e a auxiliar de montagens foi a técnica em laboratório, Beatriz Westrup.

Assessoria de Imprensa da Satc

ÚLTIMAS NOTÍCIAS