Encontro jurídico internacional discute investimentos de impacto e negócios com propósito

“Ao longo de 23 dias, 50 especialistas de vários países vão oferecer mais de 20 horas de conteúdo ao vivo”.

A Conferência Virtual da ESELA, rede jurídica de impacto social, vai trazer, até o dia 31 de março, discussões sobre as questões legais envolvendo investimentos de impacto, negócios com propósito, meio ambiente, sustentabilidade, ESG e direitos humanos. O encontro também terá networking com curadoria, discussão de desenvolvimento de mercado e compartilhamento de conhecimento sobre estruturas jurídicas.

Ao longo dos 23 dias de conferência, serão realizadas 16 sessões essenciais para advogados com 50 especialistas presentes em mais de 20 horas de conteúdo ao vivo. Entre as palestras, está a discussão sobre Potenciais Incentivos Tributários a Negócios e Investimentos de Impacto nas Jurisdições da América Latina. O painel será no dia 23 de março, às 14 horas, como parte da “Sessão Regional de Networking para Delegados latino-americanos”.

A especialista confirmada para fazer a mediação dessa discussão é a advogada Rachel Avellar Sotomaior Karam, que é coordenadora do Grupo Jurídico B do Sistema B Brasil e integrante do Comitê da Estratégia Nacional de Investimentos e Negócios de Impacto (ENIMPACTO) do Ministério da Economia. “Essa é uma discussão que ocorre em vários países que desejam promover os negócios e investimentos de impacto”, conta. Segundo a advogada, os negócios de impacto são empreendimentos que visam o lucro com a realização concomitante de impacto positivo social e ambiental. “Há, em tese, interesse da administração pública em fomentar esse novo setor da economia, uma vez que representa uma forma da iniciativa privada promover bens públicos e realizar parte do trabalho social e ambiental atualmente realizado apenas pelo governo ou pela filantropia”, destaca.

O evento também conta com a presença do presidente da ESELA, Roberto Randazzo; do professor de Finanças, Alex Edmans e da diretora executiva do Instituto de Investimento de Impacto, Sarah Gordon.

Reportagem:Gustavo Betim/CentralPress/Brazil

ÚLTIMAS NOTÍCIAS