Empresas catarinenses poderão doar parte do ICMS para projetos aprovados pela FCC

Já está em vigor o decreto que cria a Lei do Mecenato em Santa Catarina. Com a medida, empresas catarinenses poderão doar parte do ICMS para projetos aprovados pela Fundação Catarinense de Cultura (FCC). Conforme o Decreto 843/2020, editado pelo governador Carlos Moisés na última semana, o Estado poderá abrir mão de arrecadar até R$ 75 milhões por ano para o financiamento de iniciativas culturais.

“Não temos dúvidas que essa ajuda é essencial e vem em boa hora, especialmente por atender um setor já tão prejudicado com a pandemia de coronavírus. Trata-se de um incentivo fiscal para a cultura”, afirmou o governador.

As normas e critérios para a seleção das propostas culturais serão definidas em um novo decreto. A Lei do Mecenato estabelece que os recursos captados com as empresas não poderão exceder 0,5% da parte estadual do ICMS. A base para o cálculo será o ICMS pago no ano anterior, gerando um crédito para a empresa doadora.

Outras medidas

Decreto 843/2020 – que regulamenta o artigo 5º da lei estadual nº 17.762/2019 e a lei 17.942/2020 – soma-se à Medida Provisória 229editada para diminuir os prejuízos econômicos decorrentes da pandemia de Covid-19. A MP destina R$ 4 milhões por meio de auxílio emergencial ao setor cultural e está sendo executada por meio do Edital #SCulturaemSuaCasa, cadastro que continua em aberto no site da FCC.

Além das duas iniciativas, na última terça-feira, 22, iniciou o período para solicitar o auxilio emergencial destinado a trabalhadores e trabalhadoras da área cultural por meio da Lei Aldir Blanc, que vai até 9 de outubro de 2020. A Lei nº 14.017, de 29 de junho de 2020, dispõe sobre ações emergenciais destinadas ao setor cultural a serem adotadas durante o estado de calamidade pública.

“O Governo de Santa Catarina é sensível ao setor cultural, prova disso foram os três editais de fomento abertos em meio à pandemia”, observou a presidente da FCC, Ana Lúcia Coutinho, citando, ainda, os editais Elisabete Anderle de Estímulo à Cultura e Prêmio Catarinense de Cinema, cujas edições de 2020 já estão nas etapas de avaliação dos projetos.

Reportagem: Clarissa Crispim/Litoral Sul

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Criciúma | Equipe do Colégio Satc se classifica para a Olimpíada Brasileira de Robótica

Uma conquista e tanto para quatro adolescentes do Colégio Satc. Matheus Carminatti Pacheco, Brendon Cordova Silveira, Gabriel Maurilio Teixeira e Lucas Pavesi da Silva...

Moradora de Tubarão perde R$ 10 mil em golpe

Uma moradora de Tubarão perdeu cerca de R$ 10 mil após cair no golpe do cartão de crédito, que tem se tornado cada vez...

Santa Catarina tem a menor prevalência de brucelose animal do Brasil

Destaque internacional no cuidado com a saúde animal, Santa Catarina conquista mais um título: o estado tem a menor prevalência de brucelose animal do...

Morte de ciclista gera protestos em Criciúma

Clarines de Andrade, de 41 anos, morreu atropelada por um ônibus da empresa Expresso Forquilhinha, ontem, no bairro Santa Luzia, em Criciúma. Quando a...