Defesa Civil Nacional repassa R$ 1,78 milhão para apoio a três estados

“Recursos federais são destinados a municípios do Rio de Janeiro, Bahia e Santa Catarina atingidos por chuvas fortes e vendavais”.

Brasília-DF, 26/11/2020 – O Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) autorizou o repasse de R$ 1,78 milhão para apoio emergencial a municípios dos estados do Rio de Janeiro, Bahia e Santa Catarina. O aporte busca dar garantia a ações de resposta e recuperação em localidades atingidas por chuvas fortes e vendavais.

No Rio de Janeiro, o município de Sumidouro vai receber R$ 1,1 milhão para a construção de uma ponte na rua José Muniz de Andrade e de um muro de contenção na rua Ludgero José da Silva e para a reconstrução de ponte na estrada municipal SU-36, por conta de chuvas intensas.

Na Bahia, dois municípios também afetados por chuvas intensas serão assistidos. Almadina receberá R$ 173 mil para a compra de cestas de alimentos, colchões, kits dormitórios e kits de higiene pessoal e de limpeza. Já Itabuna vai contar com R$ 370 mil para o restabelecimento de mobilidade nos arredores do bairro de Fátima e de Castália, limpeza e resposta ao bairro de São Roque, construção de muro de contenção no bairro de Nova Mangabinha e desobstrução de todo o canal que interliga o bairro de Santa Clara, de maneira a aprimorar o fluxo de água no córrego local.

Por fim, Gaspar, em Santa Catarina, atingida por um vendaval, vai receber R$ 95 mil para a construção de uma casa modular com painel metálico.

Para obter auxílio material e financeiro da Defesa Civil Nacional, os municípios devem apresentar um relatório com diagnóstico dos danos e um Plano de Trabalho, por meio do Sistema Integrado de Informações sobre Desastres (S2ID). A documentação é analisada por equipes técnicas do MDR e, se aprovado, o recurso é definido e disponibilizado pela Pasta.

Situação de emergência

O MDR também reconheceu, nesta quinta-feira (26), situação de emergência por conta de estiagem em cinco municípios brasileiros: Rio do Antônio, na Bahia; Hidrolândia, no Ceará; e Giruá, Humaitá e Santo Cristo no Rio Grande do Sul. As prefeituras nessas localidades poderão acessar recursos federais para ações como socorro, assistência, restabelecimento e recuperação de danos.

Assessoria de Comunicação Social
Ministério do Desenvolvimento Regional

ÚLTIMAS NOTÍCIAS