Covid-19: Consumidores classificados como Residencial de Baixa Renda com desconto de 100% até junho

A Cooperativa de Eletricidade de São Ludgero (Cegero) informa que todos os consumidores beneficiados pela Tarifa Residencial de Baixa Renda poderão receber desconto de 100% para consumo de até 220 kWh/mês nos meses de abril, maio e junho diante da pandemia do Coronavírus.

A ação visa atender a Medida Provisória nº 950, de 8 de abril de 2020, do Governo Federal, e será aplicada aos consumidores que estão em dia com seus cadastros. O excedente do consumo mensal será cobrado com base na tarifa normal.

O presidente da Cegero, Francisco Niehues Neto, o Chico, informa que a cooperativa está fazendo a sua parte no que tange em dar ampla visibilidade ao benefício disponibilizado através da medida provisória. “É importante lembrar que será beneficiado no período quem atender aos requisitos estabelecidos”, pontua.

É importante esclarecer que a Cegero efetuará consulta aos dados disponibilizados pelo Ministério do Desenvolvimento Social e o Cadastro Único precisa estar atualizado. Cada família tem direito ao benefício em apenas uma Unidade Consumidora. Mais informações pelo fone 0800 644 6066.

Quem tem direito?

– Famílias inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal, com renda familiar mensal per capita menor ou igual a meio salário mínimo nacional;

– Famílias inscritas no Cadastro Único com renda mensal de até 3 salários mínimos, que tenha portador de doença ou deficiência cujo tratamento, procedimento médico ou terapêutico requer do uso continuado de aparelhos, equipamentos ou instrumentos que, para o seu funcionamento, demandem consumo de energia elétrica;

– Idosos com 65 anos ou mais ou pessoas com deficiência, que recebam o Benefício de Prestação Continuada (BPC), nos termos dos artigos 20 e 21 da Lei nº 8.742, de 7 de dezembro de 1993.

Para aqueles que se enquadram nas condições acima, mas não possuem o cadastro, como solicitar o Benefício?

Entrar em contato com a Secretaria de Assistência Social e Habitação de São Ludgero caso não esteja regularizado e atualizado o cadastro. Após resolver a questão do cadastramento, se dirigir até a Cegero com os documentos e solicitar o benefício.

Quais os documentos devem ser apresentados na Cegero?

– Nome completo, CPF, RG, e na inexistência de ambos, outro documento oficial com foto;

– Informar código da Unidade Consumidora a ser beneficiada;

– Informar o Número de Identificação Social (NIS), ou no caso do Benefício de Prestação Continuada (BPC), o Número do Benefício (NB);

– Apresentar o relatório e atestado subscrito por profissional médico, no caso de famílias com uso continuado de aparelhos;

– Declaração Municipal – Cadastro Único.

Comunicação: Cegero

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Meu CPF simplifica serviços on-line junto a Receita Federal

Visando o aumento significativo na demanda por atendimento para obter serviços relacionados ao CPF nas unidades físicas, a Receita Federal lançou no site uma...

PM em Blumenau conta com dois novos integrantes

A partir de novembro, o 10º Batalhão de Polícia Militar (BPM) contou com novos reforços na Companhia de Patrulhamento Tático (CPT), em Blumenau. Os dois...

Polícia Civil prende suspeito de latrocínio de idosa de 91 anos

A Polícia Civil prendeu um homem suspeito de latrocínio (roubo seguido de morte) de uma idosa de 91 anos em Papanduva. A ação é da...

Galinhas substituem agrotóxicos em ação contra veneno na agricultura

A presença de insetos é uma frequente preocupação para agricultores. Os animais são capazes de prejudicar plantações e, para evitá-los, é comum que fazendeiros...