Concórdia | Quer ser um dos principais destinos turísticos do interior catarinense

O turismo é um dos setores mais importantes da economia global, responsável pela criação de empregos, pela movimentação econômica e pelo fomento das exportações. Levantamento aponta que o setor é responsável por 10,3% do PIB mundial e pela geração de 330 milhões de empregos. No Brasil o turismo representa 7,7% do PIB, gera 7,41 milhões de empregos e contribuiu em 2019 com 2,3% do total de exportações. Com a pandemia da covid-19 as previsões apontam queda entre 20% a 30% dos resultados do turismo internacional o que evidencia a relevância da inovação, do fortalecimento regional e da melhoria da qualidade e da competitiva nos destinos turísticos brasileiros.

Ao considerar o potencial do setor, a Prefeitura de Concórdia investiu na elaboração do Plano Municipal de Turismo, com o objetivo de impulsionar a atividade econômica, implantar políticas públicas de fomento e estimular essa área como forma de desenvolvimento. A iniciativa integra o Programa Cidade Empreendedora, executado pelo poder público e pelo Sebrae/SC.

O documento com mais de 180 páginas detalha a análise do mercado turístico, da infraestrutura básica e de serviços gerais, do quadro institucional e dos aspectos socioambientais, além da consolidação do diagnóstico, de estratégias para o desenvolvimento do turismo e do plano de ações. A entrega oficial do plano ao prefeito Rogério Luciano Pacheco ocorreu nesta semana durante reunião com representantes do Sebrae/SC.

“Nossa visão do turismo é ser referência em Santa Catarina como um dos principais destinos turísticos do interior e reconhecido pelo destaque em sustentabilidade e pelo desenvolvimento integrado com os demais municípios do Alto Uruguai Catarinense.  Nossa administração teve a coragem de investir nesta área, um enorme desafio para o gestor, mas temos muitos atrativos. São mais de 300 quilômetros de fronteira com as águas da hidrelétrica de Itá. Nosso turismo rural tem alto potencial. Museus, igrejas, teatros, santuários, praças e monumentos que identificam nossa gente com o trabalho”, argumentou o prefeito.

Conforme o estudo, a aptidão de Concórdia está relacionada ao turismo cultural, meio rural,  negócios e eventos, ecoturismo, aventura, desportivo, cervejeiro e saúde com águas termais, além do destino ter potencial para inovar e atender as expectativas do novo perfil de viajantes (mais conectado, exigente, informado e que valoriza o contato direto com a cultura local e com ações de sustentabilidade).  “Podemos dizer que esse planejamento representa o início de uma nova etapa no processo de desenvolvimento do turismo local com foco, estratégias e ações estruturadas”, comentou o gerente regional do Sebrae/SC no extremo oeste, Udo Martin Trennepohl.

MB Comunicação Empresarial/Organizacional

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

MUNDO | MDZhB: a misteriosa rádio soviética que segue emitindo sinais e ruídos há quase 50 anos

Uma misteriosa estação de rádio segue ininterruptamente transmitindo somente ruídos estáticos interrompidos por sons robóticos há mais de quatro décadas. Conhecida como UVB-76 ou MDZhB, os sinais da...

Comarcas da região Sul de SC, se preparam para Semana Nacional da Conciliação

Na próxima semana, entre os dias 30 de novembro e 4 de dezembro, os tribunais brasileiros se dedicam a campanha em prol da conciliação...

Polícia Civil e PM deflagram a 3ª fase da operação “free hills” contra organização criminosa

As Polícias Civil e Militar deflagraram a 3ª fase da Operação “Free Hills” para cumprir 10 prisões preventivas na região do Morro do Mocotó,...

Indústrias brasileiras estão com problemas para adquirir matéria prima

Com a retomada da maior parte das atividades industriais por todo o País e após meses de isolamento social provocado pela pandemia da Covid-19,...