Comarcas da região Sul de SC, se preparam para Semana Nacional da Conciliação

Na próxima semana, entre os dias 30 de novembro e 4 de dezembro, os tribunais brasileiros se dedicam a campanha em prol da conciliação durante a XV Semana da Conciliação, promovida anualmente pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ). As atividades estão sendo organizadas pela Coordenadoria Estadual do Sistema dos Juizados Especiais e do Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos (Cojepemec), sob o comando do desembargador Antônio Zoldan da Veiga. Assim como em todo o Estado, na região Sul as comarcas se preparam para a promoção das audiências de conciliação.

Na comarca de Forquilhinha estão programadas 60 sessões virtuais de conciliação, em busca da resolução de conflitos entre as partes. A juíza titular da Vara Única da comarca, Bruna Luíza Hoffmann, explica que participa desde 2006 da Semana Nacional da Conciliação, efetivada anualmente pelo Poder Judiciário de Santa Catarina, antes como conciliadora e agora como magistrada. “Desde então, tenho experienciado inúmeros acordos que garantiram não só a efetividade e celeridade processual, como também promoveram verdadeira mudança na vida das partes envolvidas no conflito”, explica. As sessões agendadas para a próxima semana são de processos cujas audiências estavam suspensas em função da pandemia da Covid-19 e serão realizadas por voluntários e estagiários. “Deixo minhas sinceras homenagens aos conciliadores, que exercem tão nobre função de promover a restauração da relação social entre as partes”, afirma a magistrada.

No Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejusc) da comarca de Criciúma estão pautadas 40 audiências, todas de processos cíveis, que serão conduzidas por quatro conciliadores. Também na região carbonífera, a 1ª Vara da comarca de Içara irá pautar 24 audiências. Já em Tubarão, o Juizado Especial Cível  da comarca agendou 25 audiências de conciliação para a semana.

Conteúdo: Assessoria de Imprensa/NCI

ÚLTIMAS NOTÍCIAS