Cocal do Sul efetiva a aquisição de terreno para construção da 4ª Área Industrial

A efetivação da compra do sonhado terreno para a instalação da 4ª Área Industrial de Cocal do Sul está concretizada. O prefeito Ademir Magagnin recebeu em seu gabinete o proprietário do terreno Dionísio Paulo de Brida e sua esposa Vandeci Terezinha de Brida, para a assinatura dos documentos de compra. O terreno, que foi adquirido no valor de R$ 1.400.010,00, possui 64.429,18 m², possibilitará a criação de 26 lotes para serem cedidos às empresas.

Ele está localizado ao lado da Área Industrial III, na SC-442. O cadastro de solicitação de terrenos já possui 28 empresas interessadas. Trata-se de pequenos empresários que estão na expectativa para que possam expandir seus negócios. O ato foi acompanhado pela vice-prefeita de Cocal do Sul, Sirlene Scarpato, e presidente do conselho municipal de desenvolvimento sócio econômico e secretário Municipal de Gestão Administrativa, Fazendária e Planejamento, Cledio Fachin.

Para o prefeito Ademir Magagnin a aquisição de um novo terreno para a Área Industrial vem de encontro às políticas de investimento do Governo Municipal na estruturação e desenvolvimento das empresas já constituídas no município, assim como, às empresas da região que buscam ampliar seus negócios. “Acreditamos ainda que é importante para o desenvolvimento da cidade diversificar o setor produtivo, ou seja, precisamos expandir para segmentos econômicos além do cerâmico, através do incentivo econômico de cessão de lotes pelo município”, destaca.

Incentivo a indústria

O presidente do Conselho Municipal de Desenvolvimento Sócio Econômico e Secretário de Planejamento, Cledio Fachin ressalta que ceder lotes às pequenas empresas valoriza os empreendedores e proporciona apoio no desenvolvimento. O que por outro lado, resulta na maior estabilidade do valor adicionado municipal, fomentando a arrecadação pelo retorno de impostos e aumentando a capacidade de investimentos do município.

Um dessas empresas que já fez cadastro e pensa em se instalar em Cocal do Sul, é a Betha Esquadrias de PVC. Com sede em Içara, o empresário Gladiomar da Cruz diz que o incentivo é um custo a menos para iniciar seu novo projeto. “Está concessão é muito importante, pois a empresa pode aproveitar o valor de custo inicial na construção do galpão. E mais, a empresa vai gerar 15 empregos diretos e mais 20 indiretos, além de centralizar o setor administrativo da empresa”, explica.

Outra empresa que aguarda pelo benefício é a Creta Revestimentos, localizada no bairro Cristo Rei, em Cocal do Sul. Ela trabalha com pisos e revestimentos cimentícios. “O terreno é a oportunidade da empresa ter a sua sede própria e sair do aluguel, além da ampliação da fábrica e melhora na produtividade. Hoje são gerados 10 empregos diretos e outros 15 indiretos”, afirma a empresária Camila Bitencurt Silva.

“Estas empresas interessadas estão apenas aguardando a aquisição do novo terreno por parte do município para apresentar e aprovar o projeto de viabilidade técnica e cessão de lote. A partir daí, elas poderão investir na construção do pavilhão para ampliar sua capacidade de produção e estruturar a empresa com otimização do processo produtivo, reduzindo custos, melhorando a produtividade e qualidade do produto”, pontua Fachin.

Antonio Rozeng: Assessoria de Imprensa Prefeitura de Cocal do Sul

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Crianças recebem computador por empréstimo para assistir aulas on-line

O Colégio SESC está promovendo uma ação cidadã para possibilitar que seus alunos que não possuem computador em casa assistam às aulas on-line e participem dos encontros realizados...

Laguna | Tem diminuição no número de pacientes ativos em tratamento de Covid

Em uma semana, Laguna teve uma diminuição considerável no número de pacientes ativos, que estão em tratamento de coronavírus no município. A cidade passou...

1ª Dama que vai ao velório, em carro oficial, é condenada com o marido por improbidade 22 setembro 2020 | 09h37min

Aconteceu no Oeste de Santa Catarina em 2009. Um familiar do prefeito faleceu e a primeira-dama e sua tia foram ao velório. O problema...

Operação cumpre 13 ordens judiciais contra o tráfico de drogas em Laguna

A Polícia Civil realizou a Operação “Dorme Sujo” e cumpriu 13 ordens judiciais, entre mandados de prisão e de busca e apreensão, contra integrantes...