CDL Chapecó projeta queda de 15% nas vendas de inverno

O inverno deste ano traz uma realidade incômoda aos lojistas. A estação que historicamente é a melhor em vendas para o setor, devido ao maior valor agregado nas compras e à ampliação dos segmentos procurados, terá movimento menor para o comércio. A estimativa é da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Chapecó e reflete os impactos da pandemia do novo Coronavírus que reduziu o poder de consumo em todo o País. Em Chapecó, a entidade projeta queda de 15% nas vendas em relação ao mesmo período de 2019.

De acordo com o presidente da CDL, Clóvis Afonso Spohr, a projeção negativa, caso confirmada, é semelhante ao movimento registrado na principal data do ano para o setor, o Dia das Mães. “Se for assim, considero que está muito bom diante da nova realidade imposta pela Covid-19. Não estamos eufóricos com a possibilidade de vendas, mas preocupados e apreensivos com o cenário de queda de emprego e renda”, destaca Spohr.

Apesar da situação atípica, os lojistas se preparam para atender a demanda da estação. Segundo o presidente da CDL, a expectativa é maior para os segmentos de vestuário, calçados, gastronomia e eletrodomésticos. “A chegada do frio traz a necessidade de comprar roupas mais quentes, aquecedores e fogões e até alimentos e bebidas da estação, fator que sempre gera boa expectativa de vendas”, ressalta.

A impossibilidade da realização de festas e eventos no período, atrativos para as vendas, fez com que alguns lojistas reduzissem a quantidade de mercadorias para o inverno. Se por um lado a crise sanitária causou a redução do consumo, por outro, também tem diminuído a oferta de produtos.

“Certamente não vai ser um inverno como os outros, porque há uma preocupação econômica e social em curso. Porém, é importante que as pessoas não deixem de incentivar o comércio local, pagando suas contas ou efetuando novas compras dentro de suas capacidades. É essa atitude que evitará a estagnação da economia local”, sublinha o presidente.  

MB Comunicação Empresarial/Organizacional

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Criciúma | CDL reúne lojistas e profissionais do varejo para cocriar o Natal 2020

"Evento realizado virtualmente teve como intuito construir de forma coletiva a maior data do comércio". A manhã desta sexta-feira (18) foi marcada pela inovação, criatividade...

Produtores de arroz de SC não são responsáveis pelo preço

Os altos preços pagos pelo arroz alcançaram uma pequena parcela dos produtores catarinenses, avalia Gláucia Padrão, analista do Centro de Socioeconomia e Planejamento Agrícola...

Mulheres são responsáveis por 60% das inscrições do Enem 2020

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) afirma que as mulheres correspondem a 60% das inscrições confirmadas para o Exame...

Mais da metade dos brasileiros não teria R$ 200 para uma emergência

Pesquisa PoderData fez a seguinte pergunta aos entrevistados: “Se você tivesse uma emergência e precisasse de R$ 200? Você teria esse dinheiro disponível?“. Só 40% dos...