Castrolanda incentiva cooperativismo nas escolas com o Programa Crescer e Cooperar

Educação, formação e informação fazem parte de um dos princípios do cooperativismo. A Castrolanda atua com projetos para fortalecer este princípio e é a pioneira no setor do agronegócio brasileiro a implementar as cooperativas escolares nas regiões onde atua. No mês de setembro, a Cooperativa retomou as atividades presenciais do Programa Crescer e Cooperar, que trabalha os princípios do cooperativismo nas escolas de ensino fundamental I e II e ensino médio.

Na última semana, os professores das instituições Escola Evangélica da Comunidade de Castrolanda, Colégio Emília Erichsen e Colégio Estadual do Campo Profª. Fabiana Pimentel passaram por treinamento para implementação das atividades de cooperativa escolar.

Como começou

O Programa Crescer e Cooperar teve início em 2015, em uma iniciativa da Comissão Mulher Cooperativista da Castrolanda, que identificou que não existia nenhum programa da Cooperativa voltado a alunos e crianças. Então, buscaram informações, realizaram briefing, viagens de conhecimento e trouxeram a primeira parceira: a Escola Evangélica da Comunidade de Castrolanda. A partir de um projeto piloto, foi fundada a primeira cooperativa escolar em 2018, nomeada CoopEECC.

A cooperada Analúcia Litzinger Gomes, uma das idealizadoras do programa, conta como foi o processo para implementação na primeira escola. “No começo, fizemos algumas visitas, conhecemos lugares e, junto à escola, estruturamos o projeto piloto, algo diferente daquilo que eles estavam habituados a fazer durante as aulas, e tivemos uma adesão muito boa”.

Analúcia destaca que o Crescer e Cooperar incentiva a participação dos estudantes nas questões da sociedade. “O programa é extremamente importante para o desenvolvimento de crianças e adolescentes para que sejam mais cooperativistas mesmo, participem e desenvolvam maneiras de atuarem na sociedade e serem protagonistas de suas histórias”.

Como funciona o programa

As atividades do Crescer e Cooperar são realizadas em período de contraturno escolar, conforme explica o Analista de Cooperativismo, Jhonatan Bonfim, que também já atuou como professor orientador do programa e possui experiência em cooperativa escolar. “Nós temos um professor que faz toda a condução dentro da escola. As atividades precisam atender aos princípios do cooperativismo, iniciando pela livre adesão, ou seja, o programa é para aquele aluno que realmente quer participar”.

Em razão da pandemia de Covid-19, as atividades da primeira cooperativa escolar da região, na Escola Evangélica, estavam sendo realizadas de forma online, inclusive a Assembleia Geral Ordinária (AGO).

Na última sexta-feira (17), com a retomada das atividades presenciais, o programa lançou o 1º Material Metodológico construído pela Castrolanda e que servirá como base para os professores responsáveis e os alunos da CoopEECC apresentaram aos Professores Orientadores das demais instituições parceiras as tarefas realizadas dentro da escola.

As escolas que tiverem interesse em conhecer mais sobre o Programa Crescer e Cooperar podem entrar em contato com o setor de Cooperativismo pelo e-mail cooperativismo@castrolanda.coop.br. ou pelos telefones (42) 99109-9986 – Jhonatan Bonfim ou (42) 99129-3268 – Ananda Chuproski.

Com informações da CASTROLANDA

ÚLTIMAS NOTÍCIAS