Casos de sífilis na região chegam a 303

Publicado em 8 de novembro de 2019

Casos de sífilis na região chegam a 303
Casos de sífilis na região chegam a 303

Santa Catarina é um dos estados brasileiros com maior taxa de detecção de sífilis, de acordo com boletim divulgado pelo Ministério da Saúde no mês passado. Na região, foram registrados 249 casos de sífilis adquirida, 44 gestacional e dez congênita, ou seja, transmitida da mãe para o bebê.

Os dados da região somam 303, e são referentes ao período de janeiro a outubro deste ano. Somente no ano passado, conforme o boletim Barriga Verde, da Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Dive/SC), foram 485 casos de sífilis adquirida, 75 em gestantes e 29 casos de sífilis congênita.

“O número de casos na nossa região pode aumentar, pois sabemos que há alguns em investigação. Temos trabalhado para buscar a sífilis, ou seja, quando detectamos em uma gestante, vamos atrás do parceiro e acompanhamos o bebê, por exemplo”, explica a analista técnica de gestão em saúde da Gerência Regional de Saúde, Deisy da Silva Fernandes Nascimento.

Os números, ressalta Deisy, são preocupantes, mas a região não está pior do que outras do Estado. Porém, diz ela, é necessário que haja prevenção e tratamento. “Por isso é importante buscar tratamento caso seja diagnosticado”, afirma.

Em 2018, a taxa da doença no Estado foi quase duas vezes maior que a média nacional, que é de 75,8 casos a cada 100 mil habitantes. De acordo com a Dive/SC, Santa Catarina registrou 12.138 novos casos da doença em 2018.

O que é a sífilis

Infecção bacteriana geralmente transmitida pelo contato sexual, que começa como uma ferida indolor. A sífilis se desenvolve em estágios, e os sintomas variam conforme cada estágio. A primeira etapa envolve uma ferida indolor na genitália, no reto ou na boca. Após a cura da ferida inicial, a segunda fase é caracterizada por uma irritação na pele. Depois, não há sintomas até a fase final, que pode ocorrer anos mais tarde. Essa fase final pode resultar em danos para o cérebro, nervos, olhos ou coração. A sífilis é tratada com penicilina. Os parceiros sexuais também devem ser tratados.

DS

Imagem : Divulgação

Gostou? Compartilhe com seus amigos!

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

NOTÍCIAS RELACIONADAS

FAÇA SUA PESQUISA