BH volta a ter missas presenciais hoje domingo 2

Estão abertas as portas para as missas presenciais após mais de quatro meses de acompanhamento dos fiéis apenas pelas redes sociais, devido à pandemia do novo coronavírus.

A centenária Igreja São José, na Avenida Afonso Pena, entre as ruas Espírito Santo, Tupis e Tamoios, é a primeira do Centro de Belo Horizonte a receber os católicos para a celebração eucarística. A primeira missa deste domingo começou pontualmente às 8h. Do lado de fora, uma pequena aglomeração não pôde participar e ficou aguardando senha para a próxima missa.

Para retomada das liturgias presenciais, padres e párocos obedecem às orientações e critérios constantes no documento ‘Evangelização missionária: um novo tempo’, desenvolvido por dom Walmor Oliveira de Azevedo, arcebispo de Belo Horizonte, e os bispos auxiliares, dom Joaquim Mol, dom Geovane Luís da Silva e dom Vicente Ferreira, em parceria com uma assessoria técnica multidisciplinar.

Foram permitidas somente 94 pessoas no recinto, número muito aquém da capacidade do templo, que permite 560 devotos assentados.

Os fiéis que chegaram à igreja deverão usar máscaras de proteção e fazer a higienização, com álcool em gel, na portaria, das mãos e dos calçados.

Neste domingo, haverá missas às 10h, 16h e 19h, informou o vigário paroquial, padre Flávio Campos, na semana passada.

O dia escolhido para a reabertura é o dedicado a Santo Afonso (1696-1787), “doutor da oração” e fundador da Congregação dos Redentoristas, responsável pela Paróquia São José que completa 120 anos em 2020.

O que é o coronavírus

Coronavírus são uma grande família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus (COVID-19) foi descoberto em dezembro de 2019, na China. A doença pode causar infecções com sintomas inicialmente semelhantes aos resfriados ou gripes leves, mas com risco de se agravarem, podendo resultar em morte.

Como a COVID-19 é transmitida?

A transmissão dos coronavírus costuma ocorrer pelo ar ou por contato pessoal com secreções contaminadas, como gotículas de saliva, espirro, tosse, catarro, contato pessoal próximo, como toque ou aperto de mão, contato com objetos ou superfícies contaminadas, seguido de contato com a boca, nariz ou olhos.

Como se prevenir?

A recomendação é evitar aglomerações, ficar longe de quem apresenta sintomas de infecção respiratória, lavar as mãos com frequência, tossir com o antebraço em frente à boca e frequentemente fazer o uso de água e sabão para lavar as mãos ou álcool em gel após ter contato com superfícies e pessoas.

Quais os sintomas do coronavírus?

Confira os principais sintomas das pessoas infectadas pela COVID-19:

  • Febre
  • Tosse
  • Falta de ar e dificuldade para respirar
  • Problemas gástricos
  • Diarreia

Em casos graves, as vítimas apresentam:

  • Pneumonia
  • Síndrome respiratória aguda severa
  • Insuficiência renal

Os tipos de sintomas para COVID-19 aumentam a cada semana conforme os pesquisadores avançam na identificação do comportamento do vírus.

Reportagem: Larissa Risen – Em.com.br

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

PM apreende quase 70 kg de maconha em Criciúma

Por volta das 15h, na Avenida dos Imigrantes, bairro Vila Isabel, em Criciúma, na quinta-feira, 17, ocorreu mais uma prisão por tráfico de drogas....

Semana Nacional de Trânsito inicia em todo o país

A Semana Nacional de Trânsito, conforme disposto no art. 326 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), é comemorada anualmente entre os dias 18 e...

As fotos inusitadas do fotógrafo japonês especialista em gatos de rua

Estamos acostumados a ver ensaios de gatinhos e cachorros em nossa timeline. Fantasiados, em meio à natureza ou abraçados com seus donos, eles sempre costumam ser...

Polícia Civil cumpre buscas e realiza prisão em investigação sobre furtos com o uso de “chapolin”

A Polícia Civil realizou na sexta-feira (18) a Operação "Não Contavam com Minha Astúcia". Foram cumpridos três mandados de busca e apreensão e um...