Auxílio emergencial: pessoas com benefício negado podem procurar Defensoria local para contestar resultado

O Ministério da Cidadania e a Defensoria Pública da União (DPU) firmaram uma parceria, nessa semana (16), que vai ajudar quem teve o pedido de auxílio emergencial negado. A partir de segunda-feira, dia 22 de junho, essas pessoas podem entrar com pedido de contestação do resultado por meio da Defensoria local, tendo em mãos documentos que comprovem que a pessoa está apta a receber o recurso.

O governo federal estima que, com a ação, será possível solucionar o caso desses cidadãos por meio administrativo, sem ser necessário o processo de judicialização.

O atendimento na Defensoria Pública é de graça e, segundo o órgão, esse procedimento vai permitir que cada caso seja analisado de forma individual, dando mais chance para quem precisa do benefício em meio à pandemia do novo coronavírus.

Reportagem: Jalila Arabi – Brasil 61

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Benefício do INSS já tem data para ser pago: Confira

A data de depósito do benefício do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) já está disponível para os mais de 35 mil beneficiários. Segurados que...

Boletim Covid-19 do Hospital São Donato de Içara

O Hospital São Donato tem 15 leitos ocupados para tratamento de coronavírus ou suspeita: LEITOS OCUPADOS NA UTI: 10 (lotação máxima) - CASOS CONFIRMADOS (10) - CASOS SUSPEITOS (0) LEITOS OCUPADOS...

IMBITUBA | Prefeito pede que a população “fique em casa”, neste final de semana

O prefeito Rosenvaldo Júnior fez um alerta à população de Imbituba para que neste final de semana, especialmente, os imbitubenses fiquem em casa. Com a...

Funerária Zapelini informa o falecimento da Sra Maria Gomes Becker

Faleceu hoje(05) no Hospital Santa Otília aos 73 anos a Sra.Maria Gomes Becker. A mesma deixa 4 filhos, 10 netos e 3 bisnetos. Seu...