Ageísmo: campanha combate o preconceito contra pessoas idosas

Se o combate ao preconceito deve ser irrestrito e incansável, há um tipo de discriminação que irá afetar a todos, seja qual for o gênero, a raça, a cor, a classe social ou a orientação sexual: o ageísmo, também conhecido como preconceito pela idade. Trata-se da intolerância contra o idoso, normalmente fomentada, como em outras naturezas de preconceito, pela propagação de uma série de mitos a respeito da velhice que precisam ser combatidos – e essa é a causa da campanha #OrgulhoPrateado.

Dentre os mitos que fomentam o preconceito contra o idoso, os mais comuns sugerem, entre outros, que existe um idoso típico, que todo idoso é dependente, que os gastos com a população mais velha não são investimentos, que saúde boa é a ausência de doença e que aposentadoria mandatória pela idade ajuda a criar empregos para os jovens. Tais máximas irreais foram levantadas pela Organização Mundial de Saúde como falácias que precisam ser combatidas no trato com a população “prateada”.

É essa a motivação da USP Aberta à Terceira Idade no lançamento da campanha #OrgulhoPrateado: promover a conscientização, a educação e o contato entre diferentes gerações como as medidas mais eficazes para combater o ageísmo. A campanha é uma parceria com a Liga Solidária e a Secretaria Municipal dos Direitos Humanos e Cidadania de São Paulo, e trata-se também de uma oportunidade para se refletir sobre a passagem do tempo, o processo de envelhecimento e o respeito aos mais velhos de forma positiva – envelhecer é, afinal, o melhor destino possível para todos nós.

Vitor Paiva : Redação Hypeness

© fotos: divulgação

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

95 municípios podem ter de realizar segundo turno nas Eleições Municipais de 2020

De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), 95 municípios com mais de 200 mil habitantes podem ter de promover um segundo turno de...

Réplica da primeira igreja matriz de Orleans, um local que ainda recebe visitantes

A primeira capela da cidade foi construída em 1886 pelo  comendador francês Joaquim Caetano Pinto Júnior. As telhas vieram da França, e possuía 4 janelas...

Polícia Civil prende suspeito de feminicídio e de homicídio de recém-nascido e localiza corpos das vítimas

Na terça-feira (22), a Polícia Civil, por intermédio do Setor de Investigações Criminais de Itapema, cumpriu um mandado de prisão temporária contra um investigado...

Pinguim é encontrado morto no litoral de SP com máscara no estômago

Um pinguim foi encontrado morto no último dia 09 de setembro na praia de Juquehy, em São Sebastião, litoral de São Paulo – e, depois de...